23.4 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 21 janeiro, 2022
Publicidade
InícioCENÁRIO POLÍTICOAL-MTSeaf tem R$ 3 milhões de emendas impositivas empenhadas

Seaf tem R$ 3 milhões de emendas impositivas empenhadas

Por CENÁRIOMT

A comissão formada na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) para agilizar o processo de apresentação, aprovação e pagamentos das emendas parlamentares impositivas no orçamento de 2021 se reuniu nesta quinta-feira (11), com servidores das unidades orçamentárias da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar de Mato Grosso (SEAF), a fim de conhecer e discutir os fatores que estariam impedindo a execução dos recursos alocados na área.

De acordo com levantamento realizado pela Consultoria Institucional de Acompanhamento Financeiro e Orçamentário (Ciafo) da ALMT e apresentado pela consultora legislativa Janaina Polla Reinheimer, até o dia de hoje (11) os valores individuais da pasta mostram R$ 14.967.000,00 alocados na secretaria, onde existe um montante de recursos transitando de R$ 28 milhões, entre remanejamentos, estornos e cancelamentos.


--Continua depois da publicidade--

No entanto, ainda faltam executar R$ 8.954.000,00. Emendas empenhadas mostram 23% que perfazem R$ 3 milhões. Foram pagas R$ 1.045.000,00.

“Esses são os dados que temos hoje. Perto das outras secretarias temos uma execução até razoável, contudo, ainda faltam 68% que não estão empenhados. Então, nosso intuito é identificar quais são os processos e as pendências das assessorias para chegarmos perto dos 100% de execução da SEAF”, disse Janaína Polla.

Segundo a consultora, a equipe técnica está fazendo uma análise minuciosa das emendas parlamentares para a SEAF, porém, ela explica que “a nossa atribuição institucional é acompanhar o orçamento como um todo, ajustando a questão do remanejamento para os deputados se sentirem seguros. As emendas parlamentares começaram uma leve evolução no mês de agosto”, destacou.

Para o líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Dilmar Dal Bosco (DEM), a criação da comissão é para dar mais dinâmica aos trâmites junto ao governo do estado, e ele acredita que a iniciativa vai facilitar as pendências das emendas.


--Continua depois da publicidade--

“O nosso intuito é que o governador Mauro Mendes pague todas as emendas dos parlamentares. O que nós queremos é que elas sejam pagas mesmo que seja em 2022”, prevê Dal Bosco.

Na oportunidade, o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Silvano Amaral, fez uma explanação de como se encontram as emendas parlamentares na sua pasta, o que foram empenhadas, executadas e também as que estão pendentes.

“Em 2021, recebemos uma autorização da Casa Civil para empenhar e pagar todas as emendas parlamentares, independente de questão partidária. Neste ano, tivemos um grande avanço em relação aos anos anteriores para os pequenos produtores na sua propriedade”, afirmou Amaral.

Ele explicou ainda sobre os valores individuais alocados da pasta que superam os R$ 14 milhões de reais, e, ainda do trabalho de apoio das prefeituras para fechar as pendências.

“Também nesse contexto de 14 milhões nós avançamos bastante na efetivação. Veja, por exemplo, temos aproximadamente 7 milhões de reais empenhados com recursos garantidos. Os demais sete milhões estamos em fase de contratação, que até dezembro devemos fechar com apoio das prefeituras para resolverem as pendências. Acho que podemos avançar bastante e ser mais afetivo. Importante essa relação política da Assembleia com o governo para resolver essas pendências”, definiu Amaral.

Vale lembrar que o deputado Valdir Barranco (PT), por exemplo, neste ano, destinou um total de pouco mais de R$ 1,2 milhão de emendas para os assentamentos rurais nas áreas de saúde, educação e infraestrutura atendendo a agricultura familiar no estado.

Conforme informações da assessoria do parlamentar, desse total, o deputado destinou R$ 853 mil para melhorias das escolas em assentamentos de vários municípios, assim como, a recuperação de estradas e construção de pontes que receberam R$ 450 mil de emendas.

A saúde recebeu R$ 800 mil para reforma de postos de saúde e a viabilização de ambulâncias. Outros R$ 500 mil para perfurações de poços artesianos. Uma parte dessas emendas foi recebida, outras delas estão em análises e outras ainda aguardando empenho na Sinfra e Seduc.


--Continua depois da publicidade--

LOA – Dados da Lei de Orçamento Anual (LOA) 2022, o valor de emendas parlamentares Individuais está estipulado em R$ 9.413.330,58 para o próximo ano.

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.

Publicidade

Redes sociais

107,368FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,126SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

apostas de MT
Lotofácil: aposta de Lucas do Rio Verde ganha prêmio no concurso 2426
janeiro 20, 2022
Lucas do Rio Verde
Gestão Municipal reorganiza e melhora fluxo de atendimento nos PSFs
janeiro 20, 2022
Lucas do Rio Verde
Inscrições para seletivos do IBGE terminam nesta sexta-feira (21)
janeiro 20, 2022
Lucas do Rio Verde
Gatinha ‘Amorosa’ é a primeira a passar por cirurgia na Unidade Permanente de Castração em Lucas
janeiro 20, 2022