Sisu ultrapassou 3,4 milhões de inscrições

0

A edição do primeiro semestre de 2020 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) recebeu mais de 3,4 milhões de inscrições. Cerca de 1,8 milhão de pessoas entrou no sistema e optou por até dois cursos. Neste semestre, o Sisu oferta 237.128 vagas em 128 instituições públicas de ensino superior.

A região do país com o maior número de inscrições foi a Nordeste, com 1,37 milhão, seguida pela região Sudeste, que registrou 1,08 milhão. As regiões Sul, Norte e Centro-Oeste tiveram 368,7 mil, 322,9 mil e 302,8 mil inscrições, respectivamente.


-Continua depois da publicidade ©-

Os cursos que mais receberam inscrições foram: Medicina, que recebeu 274.190 inscrições; Administração (190.454 inscrições) e Direito (175.413). Os mais concorridos, ou seja, com maior número de inscrições por vaga ofertada, foram Ciências Biomédicas (145 inscrições/vaga), Educação Física (106) e Têxtil e Moda (94).

Novo sistema

De acordo com o Ministério da Educação, o novo portal do Sisu, lançado neste ano e idealizado para dispositivos móveis, registrou 66% dos acessos por telefones celulares ou tablets. O sistema registrou pico de 7 mil inscrições por minuto. Uma média de 1.571.377 pessoas acessou o portal diariamente.

Este ano, o MEC testou o Sisu em nuvem, fora dos servidores da pasta, para suportar mais usuários ao mesmo tempo, adaptar o site para aparelhos mobile e economizar recursos. Para 2020, a diminuição de gastos estimada é de R$ 15 milhões; nos primeiros cinco anos, R$ 25 milhões.

Com informações do Ministério da Educação