19.6 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 24 junho, 2021
InícioMUNDORio de Janeiro regulariza aplicação da segunda dose da CoronaVac

Rio de Janeiro regulariza aplicação da segunda dose da CoronaVac

Ao longo da semana serão vacinadas as pessoas que tomaram a primeira dose partir do dia 19 de abril e que entram agora no prazo para tomar a segunda aplicação.
Por Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil - Rio de Janeiro

O município do Rio de Janeiro regulariza esta semana a aplicação da segunda dose da CoronaVac, para quem tomou a primeira aplicação do imunizante em abril. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os grupos que estavam com a segunda dose atrasada foram atendidos até ontem (17) e ao longo da semana serão vacinadas as pessoas que tomaram a primeira dose partir do dia 19 de abril e que entram agora no prazo para tomar a segunda aplicação.

No sábado (15) a Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que distribuiu 90 mil doses de CoronaVac aos municípios, além das 162.210 entregues na quinta e sexta-feira, todas destinadas à segunda aplicação. De acordo com a SES, o estado ainda precisa receber 165.780 doses de CoronaVac, segundo o levantamento encaminhado pelos municípios. Nem todas essas doses estão em atraso.


--Continua depois da publicidade--

A produção da CoronaVac pelo Instituto Butantan, em São Paulo, está paralisada desde sexta-feira (14), por falta do insumo farmacêutico ativo (IFA), matéria-prima da vacina. O material é enviado pela China e, segundo o instituto, não havia sido liberado pelo país oriental por causa de entraves diplomáticos causados por declarações de autoridades do governo brasileiro.

Ontem, o Butantan informou que a China liberou o envio de 4 mil litros de IFA, suficientes para a produção de 7 milhões de doses da vacina. O IFA deve chegar ao Brasil no dia 26 de maio. O contrato com o laboratório chinês Sinovac prevê o envio de mais 6 mil litros de IFA, ainda sem data para entrega.

O Butantan entregou na sexta-feira (14) ao Ministério da Saúde o último lote fabricado até o momento, com 1,1 milhão de doses. O instituto já entregou 47,2 milhões de doses da CoronaVac ao Programa Nacional de Imunizações, cumprindo o primeiro contrato firmado, que previa 46 milhões de doses. O segundo acordo prevê a disponibilização de 54 milhões de doses até o final de agosto.


Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

SOLIDARIEDADE
Lucas: Saúde realiza mais uma campanha de doação de sangue com agendamento
junho 24, 2021
MOVIMENTO PRÓ 3 FERROVIAS
Lucas será o principal entroncamento ferroviário do Brasil, diz prefeito Miguel Vaz
junho 24, 2021