Papa liga para arcebispo de São Paulo manifestando grande preocupação sobre a gravidade da pandemia

0

Preocupado com o agravamento da situação da pandemia de coronavirus em São Paulo, o Papa Francisco ligou por volta das 11h40 da manhã deste sábado (9) para o arcebispo de São Paulo, o cardeal Dom Odilo Scherer.

Segundo relato escrito pelo cardeal a integrantes da diocese, o papa “perguntou como estamos em São Paulo, pois teve informações sobre a situação grave da pandemia” na capital.

“Ele manifestou grande preocupação pelo número crescente de doentes e pelas perdas de vidas humanas, prometendo rezar por todos.”

Segundo Dom Odilo, o papa também quis saber como estão os pobres, e expressou sua preocupação pela situação deles, sabendo que nem sempre eles têm casa nem condições adequadas para seguir medidas preventivas contra o contágio.


No telefonema ao cardeal, o pontífice também expressou sua proximidade e solidariedade para com toda a população de São Paulo e “disse que estava orando por nós”.


--Continua depois da publicidade ©--

Ele também transmitiu uma bênção apostólica para os paulistanos.

Dom Odilo disse que agradeceu a ligação, e as palavras eram motivo de conforto e que teve a graça surpresa de receber, pelo celular, a ligação do papa Francisco.

Veja a íntegra do texto de Dom Odilo Scherer

Hoje, 9 de maio de 2020, às 11h40 da manhã, tive a grata surpresa de receber, pelo meu celular, uma ligação do Papa Francisco. Perguntou como estamos em São Paulo, pois teve informações sobre a situação grave da pandemia em São Paulo. Manifestou grande preocupação pelo número crescente de doentes e pelas perdas de vidas humanas, prometendo rezar por todos.

Também quis saber como estão os pobres e expressou sua preocupação pela situação deles, sabendo que nem sempre eles têm casa, nem condições adequadas para seguir as medidas preventivas contra o contágio. Expressou sua proximidade e solidariedade para com toda a população de São Paulo e disse que estava orando por nós.

Por fim, ele pediu para transmitir a todos a sua bênção apostólica e também se recomendou às nossas orações por ele.

Eu lhe agradeci e disse que sua ligação e suas palavras eram motivo de grande conforto para nós e que eu as transmitiria a todos, juntamente com sua bênção apostólica.