Vasco empata com o Oriente Petrolero na Bolívia e avança na Copa Sul-Americana

0
O Vasco está classificado para a segunda fase da Conmebol Sul-Americana. O Cruzmaltino empatou em 0 a 0 com o Oriente Petrolero, nesta quarta-feira (19/2), no Estádio Ramon Tahuichi. Como havia vencido a partida de ida por 1 a 0, em São Januário, a equipe avançou. O adversário na próxima fase da competição será definido por sorteio. Os confrontos serão realizados entre os dias 19 e 21 de maio (ida) e 26 e 28 de maio (volta).
O próximo compromisso do Gigante da Colina será no dia 1/3, quando encara o Resende, pela estreia da Taça Rio, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.
O JOGO

A primeira boa oportunidade veio aos 5 minutos. Pikachu lançou Raul pela direita, que tentou o cruzamento. A bola bateu na defesa e sobrou para Marrony, que tentou de canhota, mas acabou travado pelo defensor. No escanteio, em jogada ensaiada, Talles deixou para Cano, que bateu e a bola novamente desviou no marcador. Aos 11, Marrony lançou Marcos Júnior, livre, mas o auxiliar marcou impedimento de forma equivocada. Aos 17, Marrony recebeu de costas para a zaga e tentou em Cano, mas a bola foi muito forte.

Aos 37, Talles recebeu na direita, encarou a marcação e bateu de canhota, muito forte. A bola viajou e explodiu na trave. Ela ia sobrando para Cano, mas parou no goleiro antes de chegar no camisa 14. No último lance, Cano recebeu na entrada da área, limpou pra canhota e soltou a bomba, mandando por cima.


-Continua depois da publicidade ©-

A primeira grande chance no segundo tempo foi aos 8 minutos. Andrey achou Cano na área, o camisa 14 dominou e bateu, mas a bola explodiu na zaga e saiu. Um minuto depois, o time chegou bem trocando passes, mas Pikachu acabou errando o cruzamento. Aos 22, Pikachu cruzou, a bola passou pelo goleiro e sobrou para Marcos Júnior, que perdeu tempo e tocou em Marrony, mas o camisa 7 pegou mal na bola.

O Vasco controlava as ações e com o passar do tempo, passou a administrar a posse de bola. Precisando do gol, o adversário esboçou uma pressão, sem muito perigo. Aos 39, Ribamar arrancou pela direita e tentou o cruzamento para Cano, mas a zaga afastou para escanteio antes da bola chegar para o artilheiro. Aos 42, Ribamar arriscou de fora da área e o goleiro fez linda defesa. No rebote, Cano ainda tentou, mas o goleiro salvou novamente.