Sampaoli vê Santos favorito no Brasileiro e se esquiva sobre convite hipotético para a Seleção

0
Foto: Marcos Ribolli

O técnico do Santos, Jorge Sampaoli, reconheceu, após a vitória sobre o Vasco, por 3 a 0, neste domingo, no Pacaembu, que seu time está entre os que vão brigar pelo título do Campeonato Brasileiro nesta temporada.

O resultado colocou o Santos perto da ponta do torneio, com os mesmos 10 pontos do líder, o Palmeiras, mas atrás por causa do saldo de gols.


Continua depois da publicidade

Questionado se a partida contra o Vasco, em que o Santos dominou amplamente e teve oportunidades para vencer por um placar ainda maior, coloca o time entre os favoritos, Sampaoli não hesitou:

– Sim! É um resultado que nos põe lá em cima na tabela. Com futebol muito ofensivo, a equipe teve muitas chances hoje. Estamos buscando, que a equipe se consolide e que brigue num torneio tão difícil como o Brasileiro.

-Continua depois da publicidade ©-

Ele, porém, evitou responder se o Santos é quem melhor joga futebol no país hoje.

– Entendo que nós estamos passando por um bom momento, estamos mantendo uma forma. Para determinar quem está melhor… eu não sei. Há muitas equipes jogando bem.

O treinador, mais uma vez, voltou a defender que o Santos jogue mais na Vila Belmiro.

– Eu dei meu ponto de vista ao presidente. Para mim, a casa é em Santos. Aceitamos jogar aqui (no Pacaembu). Mas eu entendo que nossa casa é o local onde estamos. Sair dali é abrir mão de vantagem. Mas eu não decido – afirmou.

Seleção brasileira?

Durante a entrevista coletiva após o jogo, um jornalista citou os muitos elogios que Sampaoli tem recebido nesta passagem pelo Santos, e questionou sobre a possibilidade de, no futuro, o técnico argentino ser convidado para comandar a seleção brasileira.

Sampaoli se esquivou:

– Estou aqui há muito pouco tempo. Estou tentando aprender um monte de coisas todos os dias, de ver como posso melhorar uma equipe tão jovem como Santos. Todos os elogios são pelo momento da equipe. Se a equipe não estiver bem, isso muda. Agora é desfrutar. Tenho orgulho de uma equipe com tanta história estar entre os primeiros no Brasileiro.

O Santos volta a campo na quarta-feira, contra o Atlético-MG, pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. No domingo, enfrenta o Palmeiras, no Pacaembu – mas como visitante –, pela quinta rodada do Brasileiro.





-Patrocinador-