Reforma da Previdência é debatida na cidade de Rondonópolis

0

 

O deputado estadual João Batista (Pros) participou, na última sexta-feira (12), do seminário “Previdência Social: Reforma ou Destruição!?”, promovido por representantes sindicais e entidades ligadas aos movimentos sociais na cidade de Rondonópolis (215 km de Cuiabá).

O parlamentar considera que o evento é mais uma oportunidade para discutir a postura do governo em relação ao sistema previdenciário. “É preciso que todos saibam o que o realmente propõe essa reforma previdenciária e o seminário é um momento oportuno para abordar essas discussões, bem como, a seguridade social, os impactos da contrarreforma e as políticas de igualdade social”, salientou João Batista.

Conforme Jacilene Terra, uma das organizadoras do seminário e diretora do Sindicato dos Servidores Penitenciários (Sindspen), em Rondonópolis, o objetivo é explicar para a população quais são as mudanças na Previdência e quais os temas propostos pelo governo que afetarão diretamente os trabalhadores.

“O governo diz que as mudanças serão boas para o país, mas queremos esclarecer melhor para os trabalhadores, mostrar quais são as suas perdas nesse processo. Para isso, convidamos pessoas com expertise sobre o assunto, com uma bagagem de informações e dados concretos, para que todos possam se posicionar a respeito”, explicou.

As palestras durante o encontro foram ministradas pelos advogados Danilo Ikeda Caetano, diretor jurídico do Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Rondonópolis (Impro), e Viviane Mantovani Carrecho Bertoni, vice-presidente da seção local da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). As discussões e esclarecimentos foram abertas ao público, que na oportunidade fizeram diversas perguntas sobre o tema.

Reforma da Previdência

De acordo com o portal nacional de notícias, Agência Brasil, com a semana reduzida por conta do feriado da Semana Santa, os deputados pretendem acelerar os trabalhos para aprovar a Reforma da Previdência e a PEC do Orçamento Impositivo na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara Federal.

A previsão é que a CCJ realize o debate e comece a votar o orçamento impositivo, já nesta segunda-feira (15), a partir das 14hs. A expectativa da líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann, do PSL, é votar na terça-feira (16), o parecer da Reforma da Previdência para não correr o risco de a comissão ficar sem quórum na quarta-feira (17), por conta do feriado da sexta-feira de Páscoa (19).