Apoiadores de Bolsonaro chegam ao Torto para acompanhar comitiva

0

Aos poucos, apoiadores do presidente eleito, Jair Bolsonaro, começam a chegar na residência da Granja do Torto. A movimentação começou pouco depois das 10h. Cerca de 20 pessoas iniciaram uma aglomeração próximo à residência presidencial para aguardar a saída da comitiva de Bolsonaro para a posse.

O jornalista Wellington Macedo veio da cidade cearense de Sobral, a 230 km de Fortaleza, para acompanhar a posse de Bolsonaro. Apoiador do presidente eleito, Macedo disse que veio exclusivamente para acompanhar a cerimônia. “Comecei a apoiar o presidente a partir dessa eleição e vim aqui prestigiar esse momento”, disse.


Quem também veio acompanhar a cerimônia foi o advogado Almir Pessoa que saiu de Bezerros, distante pouco mais de 100 km do Recife, com a esposa, a filha e um cunhado. O advogado disse que pretende acompanhar a comitiva até a chegada na Esplanada e que quer escutar o discurso de posse de Bolsonaro.

“Viemos de carro, dirigimos cerca de 20h até chegar aqui. Chegamos no sábado para acompanhar a posse. A gente tem uma esperança principalmente na questão da segurança, saúde e educação, mas no primeiro ano não dá para esperar muita coisa, mas acho que a partir do segundo ano a coisa vai engrenar”, afirmou.

  Próximo destino de Bolsonaro, Israel é país prioritário para o governo

Um dos filhos do presidente eleito Eduardo Bolsonaro chegou há pouco à Granja do Torto para encontrar com o restante da família.

A expectativa é que mais apoiadores cheguem ao Torto para acompanhar a comitiva presidencial. A previsão é que Bolsonaro saia da Granja depois das 14h. A cerimônia de posse está prevista para começar às 14h45, no horário de Brasília. O presidente eleito participará do cortejo presidencial da Catedral de Brasília ao Congresso Nacional. No Congresso, Bolsonaro participará da sessão solene de posse.

Em seguida, haverá a execução do Hino Nacional, com salva de tiros e revista de tropas. Depois, o cortejo seguirá do Congresso Nacional ao Palácio do Planalto, onde ocorrerá a entrega da faixa presidencial.

Edição: Lílian Beraldo