21.7 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 19 abril, 2021
InícioMUNDOMato Grosso do SulMato Grosso do Sul: Espaços antes destinados aos homens, mulheres ocupam 36%...

Mato Grosso do Sul: Espaços antes destinados aos homens, mulheres ocupam 36% do mercado de trabalho formal em MS

Por Redação CenárioMT

O protagonismo feminino cada vez mais se expande e as mulheres ocupam espaços no mercado de trabalho que em épocas passadas eram permitidos somente aos homens. Atualmente as mulheres estão na construção civil, na indústria, agropecuária e em vários outros setores. Um exemplo dessa realidade foi o envio de mais mulheres indígenas para atuarem na colheita de maçãs no Sul do país. 

Desde 2015 a Fundação do Trabalho de MS (Funtrab) realiza a intermediação de mão de obra indígena na colheita de maçãs em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul, por meio de uma parceria entre Governo do Estado, Ministério Público do Trabalho (MPT) e Comissão Estadual para Erradicação do Trabalho Escravo (Coetrae/MS). 


--Continua depois da publicidade--

Até 2020 somente homens eram recrutados para exercerem o trabalho principal nos pomares, colheita e seleção das maçãs. As mulheres eram contratadas apenas para embalar os frutos e representavam apenas 5% das contratações.

Na safra 2020/21 foram encaminhados 7 mil indígenas, e as mulheres tiveram a participação ampliada para 10%. Assim como os homens elas estão na linha de frente dos trabalhos de colheita e seleção dos frutos. Cabe ressaltar que as mulheres indígenas têm pomares exclusivos. 

Em visita técnica às plantações de maçãs no sul do Brasil no mês passado, a coordenadora da Coetrae, Rosália Ferreira da Silva, destacou o diferencial da participação feminina nas fazendas. “O aumento da demanda em conjunto com a capacidade para executar as tarefas com capricho, prezando pela qualidade e agilidade, são fatores que contribuíram para a participação feminina, o percentual ainda é pequeno, mas há grande possibilidade de aumento para a safra do próximo ano,” avaliou.  

Caged 


--Continua depois da publicidade--

De acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), no ano de 2020 foram admitidos 213.034 trabalhadores no mercado de trabalho formal em MS, com 76.930 mulheres contratadas, o que representa 36,11% das admissões no ano passado.  

O setor de serviços é o que tem a maior participação feminina, com 36.920 admissões, em segundo aparece o comércio com 25.459, na indústria foram 12.348, construção civil (1.109) e na agropecuária (1.094).  

Vagas de emprego

Nesta segunda-feira (8) as vagas ofertadas pela Fundação do Trabalho (Funtrab) somam 1.234 oportunidades de recolocação no mercado de trabalho. Para Campo Grande são 246 ocupações destinadas para áreas diversas. 

Outros 25 municípios do interior do Estado possuem vagas disponíveis neste início de semana, entre eles estão Miranda (299), Dourados (170), Nova Andradina (100), Nova Alvorada do Sul (63), Ribas do Rio Pardo (58), Chapadão do Sul (42)  e Três Lagoas (31). 

A Funtrab recomenda que os candidatos que tenham interesse em alguma vaga façam o agendamento de entrevista via aplicativo MS Contrata + disponível nas principais  lojas virtuais. A medida visa evitar a aglomeração e oferecer mais agilidade no atendimento. 

Em caso de dúvidas entre em contato com a Casa do Trabalhador da sua região. 

 

Magna Mello, Funtrab e Mireli Obando, Subcom

Foto: Divulgação


© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

CÂMARA DE VEREADORES
Lucas: Projeto que prevê auxílio financeiro a empresas afetadas pela pandemia começa a tramitar
abril 19, 2021
POLÍCIA
Em Lucas: polícia apreende R$ 12 mil e conduz diversas pessoas por tráfico de drogas
abril 19, 2021