28.3 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 01 dezembro, 2020
Início MUNDO Governo já entregou mais de 282 mil cestas a comunidades indígenas

Governo já entregou mais de 282 mil cestas a comunidades indígenas

Expectativa é entregar mais 40,8 mil cestas de alimentos até o final do mês de julho
Por CenarioMT

Em todo o País, já foram distribuídas 282,6 mil cestas de alimentos para povos e comunidades tradicionais durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Os números são do balanço semanal divulgado nessa terça-feira (21).

De acordo com os dados levantados, até a última sexta-feira (17), as cestas foram distribuídas em 22 estados: Acre (2,8 mil), Alagoas (10,6 mil), Amazonas (61,2 mil), Amapá (294), Bahia (38,8 mil), Ceará (7,1 mil), Maranhão (13,7 mil), Minas Gerais (14,8 mil), Mato Grosso (24,1 mil), Mato Grosso do Sul (26,2 mil), Pará (12,8 mil), Paraíba (6,3 mil), Pernambuco (14,2 mil), Piauí (2,7 mil), Paraná (12,9 mil), Rondônia (4,3 mil), Rio Grande do Norte (1,3 mil), Rio Grande do Sul (14,4 mil), Santa Catarina (6,8 mil), Sergipe (330), São Paulo (3 mil) e Tocantins (2,9 mil).

A distribuição ocorre por meio de uma parceria entre o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), a Fundação Nacional do Índio (Funai), a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

A medida, de caráter emergencial para amenizar os efeitos da pandemia nas populações em situação de vulnerabilidade social, evita que famílias saiam de suas casas para buscar comida em outros locais. De acordo com a Conab, responsável pela compra, montagem, embalagem e distribuição das unidades, ainda serão repassadas, até o final de julho, 40,8 mil cestas de alimentos. Durante toda a ação, serão disponibilizadas mais de 323 mil unidades.

Para garantir as doações, o MMFDH aplicou R$ 40 milhões dos R$45 milhões destinados à pasta para o combate à pandemia na aquisição, embalagem e distribuição dos produtos. Após a compra e o empacotamento, parte das cestas é entregue diretamente pela Conab nas comunidades quilombolas. O restante é encaminhado para as coordenações regionais da Funai – responsável pela entrega nas aldeias indígenas.

A ação faz parte do Plano de Contingência para Populações Vulneráveis – anunciado pelo Governo Federal e coordenado pelo MMFDH – que prevê o investimento de R$ 4,7 bilhões em políticas para minimizar os efeitos provocados pela Covid-19.

Com informações do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas

Marido mata esposa de 21 anos a facadas em Mato Grosso

Uma jovem de 21 anos se tornou mais um dado na estatística de mulheres assassinadas friamente pelos parceiros. Desta vez, o crime ocorreu em...

Natal Luz teve início no Distrito de Primavera

O primeiro domingo do Advento, que foi celebrado anteontem (29) e marca o início da preparação para a chegada do Menino Jesus, foi o...

Cuiabá encara o líder Chapecoense nesta terça na Arena Condá

Cuiabá e Chapecoense se enfrentam às 18 horas desta terça-feira (1º) na Arena Condá, em Chapecó, em confronto é válido pela 25ª rodada da...

Valor da produção de Mato Grosso supera o próprio recorde e aumenta 29%

Mato Grosso garantiu, por mais um ano, o maior Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2020. O faturamento – da porteira para dentro –...
Publicidade
x