23.3 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 05 março, 2021
Início CENÁRIO AGRO Atraso na colheita reflete na diminuição de soja esmagada em Mato Grosso

Atraso na colheita reflete na diminuição de soja esmagada em Mato Grosso

Por Cenário MT/IMEA

Na última semana, Mato Grosso avançou 11,07 pontos percentuais (p.p.) na colheita de soja, totalizando 22,26% das áreas até a última sexta-feira (12). As chuvas que ainda cobrem o estado com elevados volumes vêm atrasando a colheita principalmente na região centro-sul do estado, que aponta o menor percentual colhido e o menor avanço semanal dentre as regiões: 12,57% e 5,45 p.p., respectivamente.

Além das preocupações com relação à umidade no campo, as questões de logística e escoamento também chamam atenção nesse período de forte demanda por caminhões, pois a oferta pode ser apertada, o que vem preocupando o mercado e impulsionando os preços dos fretes em Mato Grosso.

Com relação às regiões, o destaque fica com a região oeste, que conseguiu avançar 20,34 p.p. na média semanal, totalizando 35,24% das áreas colhidas.

  • Na última semana, o Indicador ImeaMT ficou praticamente estável, com leve alta de 0,06%, pautada principalmente pela falta de soja disponível, cotado na média semanal a R$ 149,02/sc.
  • Com as condições climáticas na América do Sul sustentando as cotações em Chicago, o contrato corrente na CME-Group apresentou alta de 0,77% na média semanal, cotado a US$ 13,77/bu.
  • Com o avanço gradual da colheita de soja em MT, os prêmios no porto de Santos-SP caíram 9,62%, cotado na média semanal a US$ 0,38/bu.
  • Em meio às incertezas fiscais brasileiras e especulações sobre a aprovação do pacote de estímulos dos EUA, o dólar corrente apontou queda de 0,40% na média semanal, cotado a R$ 5,38/US$.

BAIXOS NÍVEIS

O primeiro mês de 2021 apresentou um volume processado pelas indústrias de 629,1 mil t, valor 11,07% inferior com relação a dezembro de 2020. As agroindústrias vêm sofrendo com o baixo nível de estoques da safra 19/20, visto que os grãos colhidos da safra nova ainda não tiveram a capacidade de abastecer a demanda interna, fazendo com que várias empresas do estado parassem as operações pela falta de matéria-prima.

Se comparado o volume processado em janeiro/21 com os dados da série histórica do instituto, nota-se que o último valor inferior ao observado para janeiro é do ano de 2016, em que foram processadas 505,71 mil t.

Com relação a janeiro/20, o volume observado atualmente corresponde a uma redução de 21,11% do percentual esmagado. Contudo, o avanço semanal das áreas colhidas de soja em MT e o abastecimento interno desses grãos devem impulsionar as esmagadoras nos próximos meses.



- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

FLEXIBILIZAÇÃO
Prefeito Miguel Vaz vê benefícios com flexibilização, mas alerta sobre cuidados preventivos
março 05, 2021
SEGUE NA UTI
Lucas: Familiares mantêm confiança na recuperação de homem vítima de tentativa de homicídio
março 05, 2021