25.5 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 01 março, 2021
Início ESPORTES Com hepta de Amandinha, Brasil domina premiação do futsal mundial

Com hepta de Amandinha, Brasil domina premiação do futsal mundial

Craque novamente eleita a melhor jogadora do mundo. No masculino, deu Ferrão, do Barcelona (Espanha). País tem ao menos um representante no top-3 em 11 das 12 categorias.
Por Juliano Justo - Repórter da Tv Brasil e da Rádio Nacional - São Paulo - São Paulo

O Brasil dominou as premiações dos melhores do mundo do futsal em 2020 feita pelo site italiano Futsal Planet, referência na modalidade. Entre as mulheres, a ala Amandinha, do Leoas da Serra, foi eleita a melhor jogadora pela sétima vez consecutiva. No masculino, o escolhido pelo segundo ano seguido foi o pivô Ferrão, do Barcelona (Espanha). A votação envolveu 201 pessoas, entre jornalistas especializados, técnicos, ex-jogadores e personalidades do futsal mundial. Em cada uma das 12 categorias, eles selecionaram cinco dos indicados e deram cinco pontos ao que consideraram o melhor da lista, quatro ao segundo, três ao terceiro, dois ao quarto e um ao quinto. O indicado que obtivesse mais pontos na soma dos votos dos juízes levaria os prêmios.


--Continua depois da publicidade--

Na disputa feminina, Amandinha obteve 698 pontos, contra 478 da espanhola Peque González, do Burela (Espanha), que ficou em segundo lugar. A brasileira Renatinha, pivô do Italcave (Itália), completou o pódio com 382 pontos. O Brasil ainda teve Miúda (Kick Off, da Itália) e Tampa (Leoas da Serra) entre as indicadas.

Entre os homens, Ferrão somou 717 pontos, com boa vantagem para o espanhol Sergio Lozano Martínez, que atua com o brasileiro no Barcelona e obteve 499 pontos. Em terceiro, com 280 pontos, apareceu o fixo Rodrigo, do Magnus Sorocaba, campeão e artilheiro da Liga Nacional de Futsal (LNF) em 2020. Os pivôs Pito (Inter Movistar, da Espanha), Gadeia (Kairat, do Cazaquistão) e Deives (Corinthians, vice da última LNF) também disputaram o prêmio.

Nas outras 10 categorias, o Brasil esteve no top-3 de nove, estando no topo em quadro delas: melhor seleção, melhor goleiro (Higuita, do Kairat), melhor jogador jovem (Leozinho, ala do Magnus) e melhor técnico (a) feminino (Cristiane de Souza, do Taboão da Serra). A única categoria sem representantes brasileiros entre os três primeiros foi a de melhor árbitro.


--Continua depois da publicidade--

Edição: Marcio Parente



Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

POLÍCIA
Lucas do Rio Verde: Estado de saúde de homem atropelado é grave, afirma delegado
março 01, 2021
OPORTUNIDADE
Confira as vagas de emprego disponíveis para Lucas do Rio Verde
março 01, 2021