24.3 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 07 dezembro, 2021
InícioCENÁRIO AGROComitiva da Sedec conhece cadeia produtiva do amendoim na Argentina

Comitiva da Sedec conhece cadeia produtiva do amendoim na Argentina

Por CenárioMT

Uma comitiva da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso (Sedec-MT), composta pelo secretário César Miranda, o secretário Adjunto de Investimentos, Inovação e Sustentabilidade, Anderson Lombardi, e a secretária Adjunta Executiva de Desenvolvimento Econômico, Eulália Oliveira, realizou visitas técnicas à região de Córdoba, na Argentina, para conhecer os aspectos de plantio e industrialização do amendoim.

Um dos locais visitados foi a empresa Sementes El Carmen, de propriedade de Juan Suab, que mostrou todo o processo de aproveitamento da cadeia do amendoim desde o preparo do solo para cada tipo de semente, a fecundação do amendoim, semente partida, processo de salga, coloração e caramelização com chocolate.


--Continua depois da publicidade--

“Foram três dias muito produtivos, no qual vimos o maquinário utilizado no plantio e colheita do amendoim, que é totalmente diferente do usado para a soja e milho. Além de todos os cuidados com as sementes, inclusive a produção de espécies diferentes de amendoins, o tipo de solo mais adequado a cada espécie, o tempo de desenvolvimento e o processo de industrialização. Nos foi mostrado também uma variedade que suporta as pragas que afetam a cultura no Brasil”, destaca Miranda.

Outro local visitado foi a empresa familiar Lorenzati, que além de plantar e industrializar o amendoim, produz energia elétrica a partir da casca do amendoim.

Na quarta-feira, foi a vez de conhecer a empresa exportadora de amendoim Prodeman que planta, arrenda terras, compra sementes de pequenos produtores e industrializa a oleoginosa. E também tem uma empresa geradora de energia advinda do produto.

A região de Córdoba é responsável pelo plantio de 90% de amendoim argentino. Nesse ano, a Argentina deve plantar cerca de 380 mil hectares de amendoim. A oleoginosa pode ser plantada uma vez a cada 4 anos, a área não pode ter plantio em sequência para evitar doenças.


--Continua depois da publicidade--

César Miranda ressalta ainda que é vantajoso o plantio do amendoim, por isso pretende ampliar a cultura e atrair indústria beneficiadoras do produto para o Estado.

Atualmente há uma indústria beneficiadora do amendoim instalada em Mato Grosso, no município de Nova Ubiratã, que despertou o interesse de agricultores da região que estão cultivando o amendoim para fornecer a empresa. Para abastecer a indústria são necessários em torno de 25 mil hectares de plantio de amendoim. Para se estabelecer no Estado, a empresa Beatrice Peanuts investiu 40 milhões de dólares.

Também participam do tour técnico o secretário Executivo da Associação dos Produtores de Feijão, Pulses, Grãos Especiais e Irrigantes de Mato Grosso (Aprofir), Afrânio Migliari, produtores de amendoim argentinos e representantes da empresa Colombo.

 

© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!

Redes sociais

107,348FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,098SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

PROGRAMA CASA VERDE E AMARELA
Projeto que viabiliza construção de 1,5 mil imóveis por meio de programa social em Lucas é aprovado
dezembro 07, 2021
Lucas do Rio Verde
Servidor Público morre após queda de telhado em Lucas do Rio Verde
dezembro 07, 2021
Lucas do Rio Verde
Material lúdico educativo é fornecido ao CAPS e CAM de Lucas do Rio Verde
dezembro 07, 2021
ACADEMIA BRASILEIRA ROTÁRIA DE LETRAS/MT
Integrante do Rotary Club de Lucas assume cadeira na ABROL/MT
dezembro 06, 2021