26.4 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 15 junho, 2021
InícioCENÁRIO AGROMato Grosso do Sul é o primeiro com sistema próprio a aderir...

Mato Grosso do Sul é o primeiro com sistema próprio a aderir à nova ferramenta

O AnalisaCAR utiliza tecnologias de sensoriamento remoto e pode processar a análise de milhares de cadastros de imóveis rurais simultaneamente, dando mais rapidez à implantação efetiva do Código Florestal
Por CenarioMT

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), por meio do Serviço Florestal Brasileiro (SFB), e o governo de Mato Grosso do Sul, assinaram Acordo de Cooperação Técnica para implantação do AnalisaCAR. O estado é o primeiro com sistema próprio a aderir à ferramenta que permite a análise dos dados declarados no Cadastro Ambiental Rural (CAR) de forma automatizada, por meio de mapeamentos georreferenciados, garantindo agilidade e precisão ao processamento.

O AnalisaCAR, lançado pelo Mapa na última quinta-feira (13), utiliza tecnologias de sensoriamento remoto e pode processar a análise de milhares de cadastros de imóveis rurais simultaneamente, dando mais rapidez à implantação efetiva do Código Florestal. Com a ferramenta, o estado agilizará a análise de mais de 100 mil registros.


--Continua depois da publicidade--

“Com o CAR dinamizado, vamos poder trazer a segurança que o produtor precisa. E, melhor, a análise não será mais subjetiva, agora será uma análise muito mais objetiva, feita através de Inteligência Artificial, de maneira mais célere e segura”, ressaltou a ministra Tereza Cristina.

A partir da análise dos dados declarados, os produtores rurais que estiverem com déficit de vegetação poderão iniciar a regularização ambiental dos imóveis e aqueles que tiverem excedentes de vegetação poderão acessar os benefícios da conservação ambiental, como as Cotas de Reserva Ambiental e outras modalidades de Pagamentos por Serviços Ambientais.

Com o avanço da legislação, será garantido a regularidade ambiental das propriedades rurais e a preservação ambiental, além de impulsionar a agenda da restauração florestal, fundamental para que o país, além de cumprir a legislação em vigor, atenda às metas estipuladas no Acordo de Paris.

Até o fim do ano, pelo menos dez estados deverão estar utilizando a ferramenta, que será disponibilizada para todo o país em um prazo de dois anos. Paraná, Rio de Janeiro e Sergipe devem ser os próximos estados a assinar o acordo para implantação do AnalisaCAR.


--Continua depois da publicidade--

Produzir Brasil

Foi firmado ainda acordo para execução do Programa de Consolidação de Assentamentos – Produzir Brasil no estado, que beneficiará 1.177 famílias assentadas.

O Produzir Brasil é desenvolvido pela Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater) e pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para agilizar o processo de consolidação dos projetos de reforma agrária com o incentivo à produção em cadeias de valor que garantam o desenvolvimento sustentável das famílias.

Com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento


Gustavo Praiadohttps://www.cenariomt.com.br
Gosta de economia, assistir séries, filmes de ação e gosta de videogames. Editor no CenárioMT nos cadernos de Economia e Mundo, mas nem por isso deixa uma notícia regional em branco, sempre atento as tendências que o internauta procura para ficar bem informado.
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Prefeitura de Lucas do Rio Verde inicia reforma de playgrounds de madeira
junho 15, 2021
Lucas do Rio Verde
Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente alerta para início do vazio sanitário nesta terça-feira
junho 15, 2021