Sem decisão de Taques, PSDB confirma quinta que Leitão é o candidato do partido

0

O ex-deputado federal, Nilson Leitão, que junto com a cúpula estadual do PSDB deu um prazo final para Pedro Taques decidir sobre seu futuro no partido, decidiu convocar a imprensa na quinta-feira (27) para esclarecer, de uma vez por todas, que será candidato tucano.

Segundo Leitão, o ex-governador ainda não decidiu, mas as conversas de corredor acabam travando um clima ruim entre as partes. “Até dez dias atrás o Taques era uma pessoa que negava qualquer possibilidade de ser candidato. Agora ele tá dizendo que quer ser. Eu não abro mão, e se for pra decidir na convenção, nós iremos. Mas quero chamar a coletiva na quinta para deixar claro que o candidato do PSDB sou eu”, disse Leitão.

Pedro estaria confiante em participar do pleito porque ficou sabendo que seu nome foi bem avaliado em uma pesquisa interna. Leitão nega. “Na pesquisa interna ele aparece com uma rejeição muito grande. Por isso temos que confirmar logo que meu nome foi o escolhido pelo partido para a disputa suplementar”, disse Leitão.

O pré candidato ainda confirma que aguarda a vinda do governador de São Paulo, João Dória, grande expoente do PSDB, em sua campanha a senador. “Tive voto em todo estado nas duas eleições que disputei. Senado e deputado federal. Agora para Senado de novo preciso do apoio de todos. Queremos o Dória aqui, vereadores, prefeitos, deputados… todos são importante. A corrida é curta, por isso preciso que estejam comigo”, concluiu o ex-deputado, que ainda não fechou o grupo total para disputa suplementar para saber quem vai ficar com a vaga de Selma Arruda, que foi casada por cometer crimes eleitorais.


-Continua depois da publicidade ©-

A coletiva do PSDB acontece às 10h de quinta-feira na sede do partido, no bairro Santa Rosa, em Cuiabá. Quem convida é o presidente do partido, deputado Carlos Avalone e o deputado Wilson Santos.


--Continua depois da publicidade ©--