Final da Libertadores do ano que vem será no Maracanã

0

A final da próxima Copa Libertadores da América, em 2020, será disputada no Maracanã. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (17) pelo conselho da Confederação Sul Americana de Futebol (Conmebol) no Paraguai.

Na escolha do Rio de Janeiro para a final do ano que vem pesaram fatores como a infraestrutura, a capacidade da rede hoteleira e a experiência com segurança para grandes eventos.

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

O governador Wilson Witzel destacou, em uma apresentação prévia, os eventos esportivos recentes que ocorreram na cidade e a grande capacidade do estado em receber turistas. Além do Maracanã, estavam na disputa cinco estádios brasileiros (Arena Corinthians e Morumbi, em São Paulo; Mineirão, em Belo Horizonte; Arena do Grêmio e Beira-Rio, em Porto Alegre); um na Argentina (Mario Kempes, em Córdoba); e um no Peru (Estádio Nacional de Lima).

“O Rio já foi sede de eventos como Copa do Mundo, Jogos Olímpicos e Copa América. A cidade está pronta para receber os torcedores para a Libertadores, com infraestrutura hoteleira completa, com 40 mil vagas. Temos uma equipe especial para atender todas as demandas de segurança, com sistema de câmeras de reconhecimento facial ligado ao banco de dados da Polícia Civil, além de infraestrutura completa de mobilidade”, disse Witzel, que estava acompanhado do presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Rogério Caboclo.


-Continua depois da publicidade ©-

O Maracanã já foi sede da final da Copa Libertadores da América nos jogos entre Flamengo e Cobreloa, do Chile, em 1981, e Fluminense e LDU, do Equador, em 2008. O Flamengo sagrou-se campeão no jogo no Maracanã.

As informações foram divulgadas pelo governo do estado do Rio.

 

Libertadores da América: A adrenalina se intensifica com as semifinais