Botafogo vira nos acréscimos contra o CSA e entra no G-4

0
Foto: Aílton Cruz/Gazeta de Alagoas

O Botafogo não teve uma grande atuação, mas, liderado por Diego Souza, conseguiu a virada sobre o CSA no Rei Pelé, neste domingo: 2 a 1.

Foi o primeiro triunfo fora do Rio de Janeiro neste Brasileiro, e o resultado positivo o levou ao G-4. Cícero e Alex Santana marcaram para os cariocas. Carlinhos descontou. O gol da vitória, de Alex, saiu aos 48 minutos do segundo tempo.

O CSA foi bastante superior no primeiro tempo. O Botafogo até começou jogando à sua maneira, com mais posse de bola (chegou a registrar 65%) e teve a melhor chance da etapa com Diego Souza, que carimbou o travessão. Depois disso, os donos da casa dominaram.

O time de Marcelo Cabo conseguiu equilibrar a posse (terminou o tempo com 47%) e finalizou muito mais: 11 a 5. Cavalieri foi bem em chutes de Jonatan Gomez e Matheus Savio.

Na etapa final, o CSA manteve a pegada nos minutos iniciais e merecidamente abriu o placar aos 16, com Carlinhos. Mas, depois do gol, perdeu muita intensidade e o domínio territorial na zona central. O Botafogo aproveitou e foi para cima.

Os cariocas, antes sempre inferiores nas disputas no meio-campo, cresceram e passaram a atacar. Cícero e Alex Santana, figuras apagadas até então, subiram e marcaram os gols da virada.

Diego Souza, o melhor em campo, foi fundamental nos dois gols alvinegros.