Reforma agrária é importante para o desenvolvimento do país, diz Senador

0

O senador Paulo Rocha (PT-PA) defendeu em Plenário, nesta terça-feira (21), a reforma agrária. Para o parlamentar, ela é necessária, importante e estratégica para o desenvolvimento do país, além de dar oportunidade aos trabalhadores que produzem. Para ele, o governo não tem interesse em resolver a concentração de terras do país.

Ele explicou que só neste ano, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) suspendeu a reforma agrária por tempo indeterminado, por duas vezes. Ele informou que no dia 28 de março, uma ordem do presidente enviada para todos os superintendentes regionais, determinou a expressa suspensão das vistorias nos imóveis rurais.

— As vistorias são uns dos pré-requisitos essenciais para que se chegue à fase da desapropriação dos imóveis improdutivos e para a consequente criação de novos assentamentos. Esta medida já havia sido adotada em janeiro, mas foi suspensa. Em março, o governo começa a fazer as vistorias e logo são interrompidas, alegando falta de recurso no orçamento — disse.

O parlamentar ressaltou ainda que 75% do consumo diário da população vem da agricultura familiar.

— Mais de 70% de todos os empregos gerados no campo estão ligados diretamente à agricultura familiar. Por isso é importante fortalecer as políticas da reforma agrária. Estamos falando aqui de oportunidade, de geração de emprego e de renda, e de dignidade para quem produz de forma orgânica, comunitária, respeitando a terra e tirando dela o melhor sustento — ressaltou.