OMS: erradicar a pólio será maior conquista da história da humanidade

0

No Dia Mundial da Pólio, lembrado hoje (24), a Organização Mundial da Saúde (OMS) destacou o avanço no combate à doença, também conhecida como paralisia infantil. Em 1988, a poliomielite era endêmica em 125 países, contra apenas três em 2018: Nigéria, Paquistão e Afeganistão. “Erradicar a pólio será uma das maiores conquistas da história da humanidade”, destacou a entidade, por meio de sua conta na rede social Twitter.

De acordo com a OMS, se não fossem os esforços para acabar com a doença, mais de 17 milhões de pessoas que hoje podem caminhar teriam os membros paralisados por uma infecção pelo vírus. “Não podemos parar agora, vamos terminar o trabalho”, cobrou a entidade. “Não existe cura para a pólio, mas as vacinas podem proteger uma criação por toda a vida.”

A doença


De acordo com o Ministério da Saúde, a poliomielite é uma doença contagiosa aguda causada pelo poliovírus, que pode infectar crianças e adultos por meio do contato direto com fezes ou secreções eliminadas pela boca de pessoas infectadas e provocar ou não paralisia. Nos casos graves, em que acontecem as paralisias musculares, os membros inferiores são os mais atingidos.

  Memorial do Holocausto lembra 80 anos da Noite dos Cristais em SP

Edição: Maria Claudia