(Foto: Ascom Prefeitura/Ederson Bones

Seguir os 20 ou 30 segundos de parada obrigatória nos quatro pontos de cruzamento onde foram instalados semáforos pode ser o tempo que separa pedestres ou motoristas de uma travessia segura para todos ou de um acidente. Enquanto condutores de veículo parecem ter se adaptado bem ao novo sistema, a pressa tem levado pedestres a ignorar a sinalização e atravessar no meio dos carros, colocando sua vida e a de outras pessoas em risco.

Diante da gravidade da situação, o supervisor da Guarda Municipal, Fábio Medeiros, declarou que a Secretaria Municipal de Segurança e Trânsito já está preparando uma campanha educativa para conscientizar a população sobre as mudanças e a importância de seguir as novas regras.

“Colocamos equipes fazendo o trabalho de orientação do trânsito nas horas de pico nesses quatro pontos desde que os semáforos foram instalados exatamente porque sabíamos que haveria mais dificuldade no começo e que seria necessário um período de adaptação à novidade. Surpreendentemente, os motoristas se adaptaram facilmente e têm respeitado o tempo de parada. O problema maior é com alguns pedestres que ainda não entenderam que também para eles há semáforo e tempo certo para fazer a travessia com segurança”, observa.

Resultante de um estudo feito para solucionar o problema de congestionamento de trânsito já frequente na região central da cidade, o sistema binário inteligente entrou em funcionamento no dia 26 de junho e os temporizadores, conforme o volume de tráfego, automaticamente se programam para 20 ou 30 segundos de espera.

“Para dar maior fluidez ao trânsito, o sistema instalado não permite que o motorista faça conversões à esquerda sempre que se deparar com um dos semáforos. O equipamento monitora o fluxo a cada momento e fecha ou libera o trânsito em determinado sentido de acordo com o número de veículos existentes”, explica.

Os semáforos estão instalados nos cruzamentos das avenidas Mato Grosso com a Paraná, da Mato Grosso com a Rio Grande do Sul, da Goiás com a Rio Grande do Sul e da Goiás com a Paraná. Futuramente, também será feita a instalação na esquina da avenida Goiás com a São Paulo, nas proximidades da rodoviária.

Medeiros ressalta que os semáforos têm a função de ordenar o trânsito tanto de veículos como de pedestres e que a campanha educativa vai acentuar como deve ser o comportamento de condutores e transeuntes diante da novidade para evitar acidentes.

“Muitos pedestres ainda não entenderam que a parada é obrigatória enquanto o sinal não ficar verde para eles fazerem a travessia da via. Quando se projetam no meio dos carros colocam em total risco sua própria vida porque o condutor de veículos está seguindo a regulamentação do semáforo dele. E se ele atravessar no momento errado perderá totalmente a razão em caso de acidente. Quando não existia semáforo, a preferência era sempre do pedestre. Agora existe o tempo certo para os carros e para os pedestres e todos devem obedecer”, adverte.

Leia também: Previsões para o horóscopo do dia de hoje (10/08/2020)


Amazonia 03 de Junho