23.2 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 25 janeiro, 2021
Início CIDADANIA Governo Federal está avaliando cotas extras para o seguro-desemprego; saiba mais

Governo Federal está avaliando cotas extras para o seguro-desemprego; saiba mais

Por CenárioMT

Há ainda indecisão sobre esta possibilidade de cotas extras por membros do governo.

Pois é, o Governo Federal está estudando sobre a possibilidade de ser pago cotas extras do seguro-desemprego para aqueles demitidos durante a pandemia. Contudo, se realmente houver o pagamento, ficaria limitado ao ano de 2020, quando houve a decretação da calamidade pública.

O Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador é o órgão que analisa esta possibilidade e desde julho tem debatido sobre o assunto que foi apresentado pelas centras sindicais.

Com isso, a ideia é a criação de duas parcelas extras ao benefício para os que foram demitidos sem justa causa. Porém, o desligamento deve ter ocorrido no período entre 20 de março a 31 de dezembro de 2020.

Desde o mês de Julho, os representantes do Ministério da Economia tem conseguido adiar a votação do projeto, mas a pressão está sendo grande e com isso, o governo está preparando uma contraproposta.

No Conselho Deliberativo Fundo de Amparo ao Trabalhador há 6 representantes dos trabalhadores, 6 do governo e 6 dos empresários.

Governo Federal está avaliando cotas extras para o seguro-desemprego; saiba mais
Governo Federal está avaliando cotas extras para o seguro-desemprego; saiba mais

Governo Federal está avaliando cotas extras para o seguro-desemprego

O plano apresentado pelos representantes das centrais aumentaria os gastos do governo em mais de R$ 16 bilhões. Atualmente, é possível receber de 3 a 5 parcelas do benefício e o valor depende do período em que o trabalhador prestou serviços formalmente e quantas vezes pediu o benefício.

Além disso, o Governo defende que as cotas extras poderiam ser pagas somente até dezembro e mesmo assim, o desembolso seria muito caro, já que ficaria fora do teto de gastos.

Então, na última reunião do governo com o conselho, conseguiu convencer os representantes a adiar por mais uma vez a decisão e com isso, pediu mais 15 dias para apresentar uma contraproposta. Contudo, este prazo acabou na semana passada.

Em breve mais atualizações sobre o assunto. Enfim, fique por dentro de tudo que acontece nos programas sociais diariamente aqui no CenárioMT.



- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

Educação
Prefeitura de Lucas do Rio Verde lança oficialmente o ano letivo 2021
janeiro 25, 2021
ESPORTE
Inscrições para Festival de Esportes de Praia começam hoje (25)
janeiro 25, 2021