Setembro Amarelo: Atividades para prevenção ao suicídio serão realizadas pela Prefeitura de Lucas do Rio Verde

Entre as atividades estão palestras e a 2ª Caminhada do Setembro Amarelo

0

No mês de conscientização e valorização a vida, a Prefeitura de Lucas do Rio Verde, através da Secretaria de Saúde, Secretaria de Esporte e Lazer, Secretaria de Educação e a Secretaria de Assistência Social prepararam várias atividades para prevenção ao suicídio. As ações acontecerão durante todo o mês e buscam conscientizar a população sobre o ato e como evitá-lo. As palestras serão realizadas nas escolas municipais e nos PSFs. Entre os assuntos abordados, estão os sinais e sintomas e o tratamento.

Para encerrar as atividades, no dia 27 será realizada a 2ª Caminhada do Setembro Amarelo, que começa no semeador e termina na rotatória da Prefeitura. “Convidamos toda a população, empresas, instituições e a mídia para participar da caminhada que começa a partir das 07h, e pedimos que, se possível, venham todos de amarelo ou branco. A participação é muito importante nesse dia”, destacou a supervisora de Média e Alta Complexidade Tatiane Lima.


Continua depois da publicidade

O suicídio é um problema de saúde pública que ainda é cercado por muitos tabus. Segundo dados oficiais, cerca de 32 brasileiros tiram a própria vida todos os dias, número superior as vítimas de AIDS e vários tipos de câncer. A Organização Mundial de Saúde (OMS), através de estudo, diz que 9 a cada 10 casos poderiam ser evitados. ”Nós precisamos orientar as pessoas, nós precisamos diminuir o preconceito e abrir portas para que as pessoas possam buscar ajuda. Hoje o suicídio é a terceira maior causa de mortes entre jovens no Brasil”, afirma o psiquiatra Wagner Engelmann.

O secretário de Saúde Rafael Bespalez lembra que os tratamentos pela Secretaria de Saúde são realizados por especialistas no CAM, CAPS, NASF, além dos PSFs. ”A vida de todo mundo é muito importante, então no que nós pudermos ajudar para dar apoio e garantir uma vida melhor, nós da saúde estaremos fazendo”, garante o secretário.

-Continua depois da publicidade ©-

Além das unidades de atendimento no município, as pessoas podem ligar no Centro de Valorização a Vida (CVV), através do número 188 que busca dar apoio emocional e prevenir o suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email e chat 24 horas todos os dias.





-Patrocinador-