Luverdenses se consagram campeões brasileiros de Bicicross

Três atletas ficam em 1° lugar e dois em 3° lugar no Campeonato Brasileiro de Bicicross (CBBX)

0

Na manhã desta terça-feira (18), o diretor de Desenvolvimento Sustentável, Zeca Picolo e o secretário de Esportes e Lazer, Marcelo Dal Berto receberam os três atletas luverdenses que se consagraram campeões brasileiros e os dois que ficaram em terceiro lugar na etapa final do Campeonato Brasileiro de Bicicross (CBBX), disputado na cidade de Caraguatatuba-SP, entre os dias 15 e 16 de dezembro.

Eloriana Storck (categoria 15/16 anos), Pedro de Souza Bauer (categoria até 9 anos) e Mariana H. de Godoy (categoria até 8 anos), subiram no mais alto lugar do pódio e trouxeram para o Mato Grosso e Lucas do Rio Verde o título de campeões. Jhenifer Storck (categoria 13/14 anos) e Luiz Mateus de Godoy (categoria até 9 anos) também subiram no pódio e trouxeram o caneco de 3° lugar.


Na soma geral dos pontos, os jovens atletas fizeram Mato Grosso ficar como vice-campeão geral da etapa.

Eloriana comemorou o resultado e destacou o quanto a modalidade tem crescido, principalmente na categoria feminina. “Foi um ano bem difícil, mas essa etapa foi bem legal pois tinha bastante garotas na minha categoria e acabou sendo bem disputado e foi bem interessante porque é um esporte com poucas meninas e ver essa mulherada representando com força, foi muito legal” contou ela.

Pedro de Souza Bauer campeão na categoria até 9 anos, conta que o ser campeão brasileiro era uma meta que ele e a equipe traçou há três anos, e agora conseguiram. “Para nós foi uma grande surpresa, porque vários atletas ficaram bem posicionados no ranking e a medida de força e a nossa evolução tem melhorado cada vez mais as técnicas. Por isso estamos mais forte no giro e agora encarar o mundial. Ficar em primeiro lugar no Brasil era uma meta que nós estamos há três anos tentando e agora deu certo” comemorou o pequeno campeão.

  Inscrições abertas para a 4ª Corrida do Bope

Leonardo Bauer, pai e treinador comenta que esse resultado é superpositivo e que agora o focar são nos mundiais que serão disputados em maio na cidade de Americana-SP pelo Panamericano e o mundial de BMX em junho na Bélgica. “Agora estamos mirando o mundial e as coisas são mais sérias, uma obrigação maior, ele (Pedro) sabe como vai ser e topou esse desafio. Sabe que o treinamento, a preparação e até a alimentação mudam e precisa focar” disse ele.

Outro pai, treinador e patrocinador é Fernando Godoy, que tem dois filhos atletas e campeões e comemorou o resultado dos pequenos. “Para mim é uma alegria dobrada, pois a cada dia eles estão tendo um desempenho bacana, melhorando bastante. O Luiz precisou passar por uma cirurgia e mesmo assim, se recuperou e conseguiu um resultado e a nossa espoletinha, Marina que tem dois títulos nacionais e está classificada para ir ao mundial” contou Fernando.

Quem não podia faltar nessa comemoração era a representante das mães, torcedoras e incentivadoras dos pequenos, Luciana Bauer comentou o quanto o trabalho em equipe e em família faz a diferença na desenvoltura de cada atleta, mas enfatizou que todos são crianças e que disputam cada competição conforme o limite.

“Para nós é um grande orgulho todos esses títulos, a evolução de todos esses atletas e eu como mãe a cada evolução e cada etapa o coração sai pela boca, chorei muito com o título conquistado. O Pedro é muito focado, mas sempre deixamos ele muito livre, pois é uma criança, mas ele quer e ele sonha. Por isso não posso deixar de agradecer a todos da equipe, aos patrocinadores, apoiadores e a prefeitura que sempre contribuem para esse sucesso dentro do esporte luverdense”, agradeceu ela.


| deixe sua opinião |

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui