Gemini: IA do Google chega ao Gmail para ajudar na redação e resumo de e-mails

Fonte: CenárioMT

Gemini: IA do Google chega ao Gmail para ajudar na redação e resumo de e-mails
Créditos: Google Gemini

O Google está implementando um novo painel lateral com inteligência artificial (IA) chamado Gemini no Gmail para auxiliar na escrita e resumo de e-mails. A novidade se soma à integração do Gemini no Docs, Sheets, Slides e Drive. O lançamento ocorre pouco depois do anúncio feito pela empresa na conferência I/O para desenvolvedores, realizada no mês passado, que teve forte foco em novas soluções de IA da gigante da tecnologia.

Com a nova integração, o usuário pode utilizar o Gemini no Gmail para receber sugestões de respostas ou auxílio na elaboração de um e-mail. Além disso, é possível fazer perguntas e encontrar informações específicas dentro de sua caixa de entrada ou arquivos do Google Drive.

O Google ressalta que, embora o Gemini no Gmail forneça prompts para iniciar suas consultas, você também pode fazer suas próprias perguntas. Por exemplo: “Qual era o número de pedido para a minha agência?” ou “Quanto a empresa gastou no último evento de marketing?”.

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

Vale ressaltar que esses recursos estão disponíveis apenas para assinantes do Google Workspace com complementos Gemini Business ou Enterprise, Gemini Education ou Education Premium, ou assinatura do Google One AI Premium.

No Docs, o painel lateral Gemini auxilia na escrita e refinamento do conteúdo, resume informações e ajuda no brainstorming de ideias. Também é possível criar conteúdo com base em outros arquivos. No Slides, o Gemini gera novos slides e imagens personalizadas, além de resumir apresentações.

Já no Sheets, o painel Gemini auxilia no rastreamento e organização de dados, possibilitando a criação de tabelas, fórmulas e recebendo ajuda para a realização de determinadas tarefas. No Drive, o painel Gemini resume documentos e fornece informações rápidas sobre um projeto.

Assim como no Gmail, para acessar os recursos do Gemini em Docs, Slides, Sheets e Drive, é necessário ser um usuário pago.

O Google é a mais recente gigante da tecnologia a adicionar recursos de IA generativa aos seus aplicativos e serviços populares do dia a dia. No início deste ano, a Meta trouxe seu chatbot de IA para o Instagram e WhatsApp, enquanto a Apple anunciou recentemente a adição de recursos de IA generativa em seus aplicativos e serviços, incluindo Siri, Messages, Mail e Notes.

A tendência recente de inserir IA em produtos cotidianos pode não ser bem recebida por todos. Embora haja entusiasmo em torno dos próximos recursos de IA da Apple, houve resistência quando o Meta adicionou seu chatbot de IA à pesquisa no Instagram. Até agora, usuários sem interesse em ferramentas de IA generativa, como o ChatGPT da OpenAI, podiam evitá-las em grande parte. No entanto, à medida que as gigantes da tecnologia continuam adicionando IA a seus aplicativos e serviços diários, a IA generativa se tornará mais difícil de ignorar.

Um criador de conteúdo e entusiasta de jogos e tecnologia, trabalha como redator, analista de TI e game designer no tempo livre.