24.5 C
Lucas do Rio Verde
terça-feira, 21 setembro, 2021
InícioCENÁRIO AGROSema recebe dois animais retirados do Pantanal por ONG e encaminha para...

Sema recebe dois animais retirados do Pantanal por ONG e encaminha para tratamento

Duas equipes da Sema-MT estavam na Estrada Parque Transpantaneira, uma delas fazendo ativa de animais feridos e o resgate
Por CenárioMT

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) recebeu da ONG Grad Brasil uma Irara (Eira barbara) com as patas queimadas e um macaco-prego (Sapajus apella), durante uma operação realizada pelo órgão ambiental na Transpanteneira, em Poconé (102 km distante de Cuiabá).

Duas equipes da Sema-MT estavam na Estrada Parque Transpantaneira: uma monitorando as condições do Bioma e presença de água, e a outra fazendo a busca ativa de animais feridos e o resgate, quando encontraram representantes da Organização Não Governamental. O trabalho de busca ativa de animais segue até o término do período de estiagem e incêndios.

O órgão ambiental encaminhou os animais para tratamento veterinário adequado na clínica Orto Pet, localizada em Várzea Grande. No entanto, o macaco não apresentava queimaduras ou outro problema de saúde, e será devolvido à natureza.

A Sema alerta que o manejo de animais silvestres deve ser realizado apenas por pessoas habilitadas. A retirada de animais silvestres da natureza não é indicada pois é importante preservar as condições habituais do animal, e evitar estresse, entre outros motivos.

O cidadão que se deparar com animais silvestres, seja no âmbito urbano, ou apresentando precisar de ajuda em ambiente rural, a recomendação é não realizar a captura, e sim, ligar para a Polícia Militar pelo telefone 190, ou para o Corpo de Bombeiros pelo 193.

Conforme o decreto federal Nº 6.514, de 22 de julho de 2008, é crime passível de multa o manejo de animais sem autorização do órgão ambiental, e a multa vai de R$ 500 a R$ 10 mil para atividades ou condutas em desacordo com os objetivos da unidade de conservação, o seu plano de manejo e regulamentos específicos.

A Sema realiza, desde abril deste ano, o monitoramento continuo da Estrada Parque Transpanteneira, para averiguar a situação dos animais silvestres, a presença de água e alimentos. Com base no monitoramento de 120 pontos, a Sema ainda não recomenda a intervenção humana no habitat natural.

A Sema recomenda ainda que seja seguido o guia de Procedimentos Operacionais Padrão (POP) do IBAMA, que recomenda que a retirada de animais do meio ambiente é a última opção, e que o profissional de notório saber que atuar nesta retirada deve ser credenciado e ter a licença para a atividade.

Veja mais imagens dos animais:

Irara recebendo atendimento médico na clínica Orto Pet, em Várzea Grande.

Exame de imagem realizado no macaco-prego. Ele será solto na natureza após a análise veterinária verificar que está em perfeito estado.


 

© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!

Redes sociais

107,336FãsCurtir
17,057SeguidoresSeguir
2,038SeguidoresSeguir

Lucas do Rio Verde

LOGÍSTICA
Mendes crê em concorrência de modais para beneficiar setor produtivo regional
setembro 20, 2021
ferrovia em Lucas
Em Lucas Mauro Mendes assina contrato para construção da 1ª Ferrovia Estadual; Acompanhe ao vivo
setembro 20, 2021
Lucas do Rio Verde
Covid-19: Confira quem está sendo vacinado em Lucas do Rio Verde nesta semana
setembro 20, 2021
PRIMEIRA DOSE
Luverdenses de 19 anos completos ou mais são convocados para vacinação contra a Covid-19
setembro 20, 2021