20.8 C
Lucas do Rio Verde
sexta-feira, 27 novembro, 2020
Início MATO GROSSO Prefeitura de Sinop vai economizar R$ 2,7 milhões com coleta automatizada

Prefeitura de Sinop vai economizar R$ 2,7 milhões com coleta automatizada

Por CENÁRIOMT

Sinop está passando por um momento de transformação positiva no sistema de coleta de lixo, além da implantação de um aterro sanitário no município, a partir do dia 3 de agosto, começa a implantar a coleta mecanizada, que traz inúmeros benefícios para os moradores, coletores, meio ambiente e também financeiros, já que junto com o novo aterro essa nova forma de coleta trará uma economia de R$ 2,7 milhões anuais para o município.

A Coleta Automatizada Contêinerizada custará a Administração Pública o valor de R$ 208,00 por tonelada, com previsão de 800 toneladas ao mês na fase inicial, totalizando uma despesa mensal de R$ 166,4 mil. Acrescenta-se a este valor R$ 520.086,00, que corresponde ao valor de R$ 179,34 por 2.900 toneladas de lixo mensal e o aterro sanitário de R$ 545.010,00, que recebe a soma de toneladas coletadas, ou seja, 3.700. Gerando assim um valor final, incluindo a coleta manual, automatizada e o aterro sanitário, de R$ 1.231.496,00.

Se compararmos a despesa do mês de junho – R$ 1.456.690,00, com a previsão para o mês de setembro, após a implantação do novo sistema, que é de R$ 1.231.496,00, teremos uma economia de R$ 225.194,00 mensais. O que significa dizer que anualmente a economia chegará a 2,7 milhões para os cofres municipais.

A prefeita Rosana Martinelli esclarece que não terá aumento na cobrança da taxa de lixo, e que o município vai continuar arcando com a diferença do valor gasto para coleta, como já vinha sido feito em anos anteriores.

“É uma grande evolução que o município de Sinop passa a ter, mudando a destinação final do aterro de Primaverinha para um aterro do município de Sinop. Importante que gera empregos para os munícipes, os impostos da empresa ficam em Sinop e a prefeitura está eliminando o custo com o transporte da cidade até Primaverinha. O município de Sinop gasta aproximadamente R$14 milhões coletando e dando destinação para o lixo, metade desse montante é arrecadado com a taxa de lixo, a outra metade é paga pelo município, que passará a economizar quase R$ 3 milhões anualmente, que serão investidos na cidade. Essa coleta automatizada é a primeira etapa para a coleta seletiva”.

Para que esse tipo de coleta mais segura e limpa ocorra, serão instalados contêineres, com uma distância de 130 metros entre um e outro, em pontos estratégicos das ruas onde os moradores vão descartar seu lixo doméstico. A lixeira possui um pedal de acionamento, basta pisar nela e a tampa será erguida para que possa depositar seu lixo.

O caminhão coletará automaticamente esse resíduo. Através de encaixes que têm nos contêineres é feita a transposição do material do recipiente para o interior do veículo, sem a necessidade de que os trabalhadores entrarem em contato com o lixo. Um procedimento seguro que leva cerca de 2 minutos.

As coletas serão realizadas, no mínimo, duas vezes por semana, tanto ela como a limpeza dos contêineres com equipamentos apropriados para higienizar e evitar mau cheiro, serão sempre no período noturno, onde há menor fluxo de pessoas e veículos.

O sistema de coleta automatizada passa a funcionar a partir do dia 03 de agosto. Numa primeira fase serão instalados 150 contêineres, na região central da cidade, abrangendo as avenidas das Figueiras, Embaúbas, Jacarandás, Ingás, Júlio Campos e Sibipirunas. A previsão é que, em um curto espaço de tempo, também sejam executadas as fases 2 e 3, e instalados mais 290 contêineres nos demais bairros, totalizando 440, completando a coleta automatizada na cidade.



Dayelle Ribeirohttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT
- Publicidade -

Últimas

Projeto prevê acolhimento a partir dos 55 anos para pessoa com doença incapacitante

O Projeto de Lei 5260/20 determina que as pessoas com doenças incapacitantes terão direito, a partir dos 55 anos de idade, a acolhimento em...

Destinos nacionais conquistam selo de “Viagens Seguras” do WTTC

Cresce o número de estados brasileiros que já contam com o selo Safe Travels do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC), um reconhecimento...

Projeto acaba com direito de preferência da Petrobras na camada do pré-sal

A proposta é de autoria do deputado Paulo Ganime (Novo-RJ) e reformula a Lei 12.351/10, que criou o regime de partilha. A mudança, segundo...

Pedidos de naturalização agora são 100% digital

O Ministério da Justiça e Segurança Pública consolidou os procedimentos de naturalização, regulamentando a plataforma digital do Sistema Naturalizar-se, que passou a ser, desde...
Publicidade
x