Policial civil é “dono” de helicóptero que caiu em Mato Grosso com 300 quilos de cocaína

Fonte: CENÁRIOMT

11 32

Um policial civil do Distrito Federal é o suposto proprietário de um helicóptero que caiu no último domingo (01) em Mato Grosso com aproximadamente 300 quilos de cocaína. O fato ocorreu em uma fazenda da zona rural de Poconé (100 km da Capital).

O policial relatou que vendeu a aeronave em maio, possuindo desta forma, toda documentação para comprovar tal negociação.

Os órgãos competentes estão investigando todos os detalhes a respeito da suposta compra e venda da aeronave.

O ACIDENTE

Segundo publicado pela redação do CenárioMT na manhã de ontem (02), a aeronave de asa rotativa modelo Robson R44 foi encontrada durante uma operação deflagrada com o objetivo de combater organização criminosa envolvida com tráfico internacional de drogas.

De acordo com o Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), o helicóptero foi encontrado tombado e com sacos de droga ao redor. A ação contou com apoio de policiais dos estados de Mato Grosso e Paraná. 

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

O prejuízo total ao crime foi estimado em pouco mais de R$ 7 milhões (R$ 7.375.000,00), sendo R$ 6.950.000,00 referentes ao entorpecente e R$ 425 mil relacionado à aeronave.