Lucas do Rio Verde adota esquema de dose única para vacina contra HPV

O público-alvo continua sendo meninas e meninos de 9 a 14 anos

Fonte: Ascom Prefeitura/Gabriela Corsino

(Foto: Ascom Prefeitura/Andrew Aragão)

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde, por meio da Secretaria de Saúde, aderiu a nova estratégia de vacinação contra o HPV, recomendado pelo Ministério da Saúde. O esquema vacinal será em dose única e não mais em duas aplicações.

A nova recomendação tem como objetivo intensificar a proteção contra o câncer de colo do útero e outras complicações associadas ao vírus, além de aumentar a adesão à vacinação e a ampliação da cobertura vacinal, com foco em eliminar esse tipo de câncer como problema de saúde pública.

O público-alvo continua sendo meninas e meninos de 9 a 14 anos, visando protegê-los antes da exposição ao vírus. O Ministério da Saúde orienta também vacinar os jovens de até 19 anos que não receberam nenhuma dose do imunizante nas idades recomendadas.

” A evolução do esquema vacinal para uma dose é importante, pois em apenas uma aplicação conseguimos garantir a proteção aos quatro subtipos do HPV que mais causam complicações. Portanto, quem já recebeu uma dose é considerado vacinado e não necessita de novas doses”, orienta a supervisora de Vigilância em Saúde Cláudia Engelmann.

Imunossuprimidos e vítimas de violência sexual, que também podem receber a vacina na rede pública, continuarão com o esquema anterior (até três doses).

[Continua depois da Publicidade]

A nota técnica do ministério incluiu um novo grupo no Programa Nacional de Imunizações (PNI): pessoas portadoras de papilomatose respiratória recorrente (PPR) de qualquer idade.

Podem se vacinar de forma gratuita pelo SUS:

• Meninas e meninos de 9 a 14 anos;

• Pessoas de 9 a 45 anos em condições clínicas especiais, como as que vivem com HIV/Aids, transplantados de órgãos sólidos ou medula óssea e pacientes oncológicos (imunossuprimidos);

• Vítimas de abuso sexual;

• Pessoas portadoras de papilomatose respiratória recorrente (PPR).

A cobertura vacinal HPV em 2023 em Lucas do Rio Verde demonstra que alcançamos uma boa cobertura vacinal até os 14 anos, porém chama a atenção que os meninos demoram mais para receber o imunizante, como segue abaixo:

Meninas

09 anos: 72,77%

10 anos: 102,29%

11 anos: 117,90%

12 anos: 122,24%

[Continua depois da Publicidade]

13 anos: 140,61%

14 anos: 134,32%

Meninos

09 anos: 55,13%

10 anos: 78,19%

11 anos: 91,2%

12 anos: 95,86%

13 anos: 96,19%

14 anos: 124,30%

A vacina HPV é realizada nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), das 07h às 10h30 e das 13h às 16h30.