Inscrições para cursos à distância na UAB Lucas do Rio Verde prosseguem até dia 7 de junho

Cursos de Artes Visuais, Educação Física e Letras são oferecidos pela Unemat

Fonte: CenárioMT

uab polo lucas do rio verde fecha 2022 com abertura de novos cursos
Ascom Prefeitura/Anderson Lippi

Prossegue até 7 de junho próximo, o prazo de inscrições para cursos à distância ofertados pela Unemat. Eles são aplicados por meio da Universidade Aberta do Brasil, polo de Lucas do Rio Verde. Os cursos disponíveis são de Artes Visuais, Educação Física e Letras.

As inscrições são feitas por meio do site da Unemat ao custo de R$ 60. É o único custo que o futuro acadêmico tem para cursar qualquer dos cursos ofertados. São 30 vagas para o curso de Artes Visuais, 30 vagas para o curso de Educação Física e 30 para Letras.

A seleção dos interessados será por meio do histórico escolar do ensino médio de escolas públicas ou particulares, ou ainda o comprovante de conclusão por meio do ‘provão’. “A Unemat já tem, dentro dos parâmetros de classificação deles e de análise dos currículos, todas as informações do que significa cada conceito, cada nota nas áreas de conhecimento”, disse a coordenadora da UAB, Juliana Gonçalves.

Seleção

Como a seleção será por meio do currículo, o candidato deve anexar os documentos solicitados quando houver a inscrição no curso pretendido. Por este motivo, é importante que o interessado encaminhe os documentos solicitados e descritos no edital de abertura dos cursos.

A UAB Lucas do Rio Verde atendeu mais de 1,8 mil pessoas desde a sua implantação em 2009.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

“É importante dizer que é o objetivo principal do programa, quando ele foi lançado, era a formação de docentes, a capacitação de professores da educação básica que atuavam e não tinham a graduação, não tinham uma formação específica”, observa a coordenadora.

Apesar de continuar com a oferta de cursos voltados para esse público, a UAB tem permitido que jovens consigam graduação e passem a ocupar o mercado de trabalho. E com isso, a instituição promove o desenvolvimento social e econômico local. “Permite a formação da sociedade em geral”, reforça. “O ensino superior é primordial, faz a diferença para o indivíduo no ingresso no mercado de trabalho”, conclui.

É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.