20.5 C
Lucas do Rio Verde
segunda-feira, 01 março, 2021
Início MATO GROSSO Cigana Diva Cabral é referenciada como mestre da cultura mato-grossense

Cigana Diva Cabral é referenciada como mestre da cultura mato-grossense

De etnia Calon, a cigana recebeu há alguns dias o prêmio por ser figura central do projeto selecionado em edital da Secel
Por CenárioMT

Figura de destaque da cultura cigana, Maria Divina Cabral, ou Diva como é mais conhecida, foi recentemente referenciada como mestre da cultura mato-grossense. Com o projeto “Diva e as Calins de Mato Grosso: ontem, hoje e amanhã”, a Associação Estadual das Etnias Ciganas (AEEC-MT) celebra a história e as contribuições de Diva Cabral às tradições ciganas e ao enriquecimento da diversidade cultural do estado.

Contemplada no edital Conexão Mestres da Cultura promovido pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), a proposta busca ainda referenciar e fortalecer as tradições e saberes ciganos, especialmente, aqueles mantidos pelas mulheres.

“Essa homenagem evidencia o reconhecimento da pluralidade cultural mato-grossense. Mais do que gratidão pela atuação da cigana Diva, os produtos dessa homenagem ficarão registrados na história, serão uma referência que mostram o quanto nosso estado é grandioso em todos os aspectos”, expressa o titular da Secel, Alberto Machado.

O tributo à cigana considerada a mestra da medicina tradicional da etnia Calon é composto pela websérie documental “Diva e as Calins” e por uma exposição fotográfica virtual sobre as mulheres ciganas mato-grossenses de vários municípios. Como dispositivo para construção do audiovisual, será realizado o I Encontro de Mulheres Ciganas de Mato Grosso, previsto para os dias 11, 12 e 13 de abril.

Na última sexta-feira (12.02), Diva, que é a figura central do projeto, recebeu o prêmio de “Mestra da Cultura Mato-grossense” representado por uma retribuição financeira de R$ 20 mil. O prêmio foi entregue pela presidente da AEEC-MT, Fernanda Alves Caiado, na residência de Diva, em Rondonópolis (MT).

“É um orgulho entregar esse prêmio, porque ela realmente representa a mulher cigana, por sua representação cultural e também pela mulher que ela é. Nós temos o exemplo dela como uma guerreira e estamos muito felizes por poder participar desta parte da história da Diva”, aponta Fernanda.

A cigana Diva Cabral

Diva nasceu na cidade de Mineiros (GO) e viveu boa parte de sua vida nos lombos dos cavalos, trafegando por várias cidades da região Centro-oeste. No início da década de 70 fixou residência com sua família e parte da comunidade em Rondonópolis (MT), que se tornou a maior comunidade cigana de Mato Grosso. No estado, a etnia reúne em torno de 300 pessoas.

A cigana rezadeira é respeitada e ouvida por todos devido à sua experiência e sabedoria na condução e salvaguarda de diversos costumes, narrativas e saberes da filosofia kalon. Sua participação e influência não se limita a Rondonópolis, chegando a outras comunidades Calon de municípios como Tangará da Serra, Cuiabá, Sinop, Guiratinga, Pedra Preta, Campo Novo dos Parecis e Alto Araguaia.

Conhecedora de uma variedade de plantas medicinais do cerrado e da floresta amazônica, Diva usa os saberes da medicina tradicional Calon para atender também aos não-ciganos. Atualmente, a Calin mora em uma modesta residência de três cômodos, na Vila Poroxo e ajuda a todos que chega com rezas, benzeções, aconselhamentos e remédios naturais.



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas no CenárioMT

Lucas do Rio Verde

ATROPELAMENTO
Desentendimento por carne termina com homem atropelado em Lucas do Rio Verde
fevereiro 28, 2021
estado em Alerta
Lucas do Rio Verde registra mais uma morte de COVID-19 neste domingo e totaliza 88 óbitos
fevereiro 28, 2021