Pilotos do Ciopaer testam positivo para a Covid-19 e cumprem isolamento social

0

Três pilotos que compõe o quadro de policiais militares do Centro Integrado de Operações Aéreas de Mato Grosso (Ciopaer) testaram positivo para a Covid-19 e fizeram isolamento social. Eles devem retornar ao trabalho normal essa semana.

De acordo com o coronel PM Juliano Chirolli, ele foi um dos infectados com a doença, porém sem necessidade de internação. Chirolli disse que teve alguns sintomas leves da doença, guardou isolamento por 25 dias e retornou nesta segunda-feira (18) ao posto do Ciopaer.

Chirolli é piloto de helicóptero, assim como o tenente coronel Rafael Dias Guimarães, que também contraiu a doença e retornou hoje aos trabalhos. Ambos pilotam no mesmo comando aéreo, mas não tiveram contato. “Fomos infectados começo de abril. Hoje já estamos em 18 de maio. Estamos curados e retornando ao trabalho, graças a Deus”, disse o coronel Chirolli.

O terceiro infectado é o major Leandro Muller. Comandante Muller, como é conhecido, é piloto de avião, mas não procede operações aeromédicas. Ele é piloto de avião modelo Baron e atua especialmente em operações policiais que são necessárias fazer o deslocamento de policiais para outras cidades.

“Quero destacar que a população pode ficar tranquila pois nenhum dos infectados é do grupo de pilotos que fazem operações com os aviões que comportam UTI. Nenhum de nós, que graças a Deus estamos curados, fizemos contato com os profissionais da UTI aérea. Todos aqui possuem equipamento de proteção individual para o trabalho diário e ainda possuímos estoque dentro do Ciopaer. Nós, graças a Deus estamos voltando após isolamento. Mas quero deixar claro que a equipe que faz o trabalho aeromédico não está infectada ou com sintomas do coronavírus”, disse o comandante.

Major Leandro Muller retorna aos trabalhos na próxima quarta-feira. Antes de voltar à base, todos passaram pelo teste de anticorpos e confirmaram por exames que não estão mais com nenhum sintoma ou resquício da Covid-19.

Atualmente o Ciopaer possui uma média de 25 pilotos, sendo todos eles responsáveis pelos três helicópteros e seis aviões. Sendo que desses 25, quatro pilotos possuem treinamento diferenciado para pilotar o avião com pacientes em estado de UTI.

Além desses profissionais, ainda estão lotados no ciopaer os socorristas, policiais civis, delegados e membros do Corpo de Bombeiros.


Amazonia 03 de Junho