Mulher é presa em MT após participar de ‘Golpe do Hospital’

0

Uma mulher acusada de aplicar o golpe conhecido como “parente no hospital” foi presa pela Polícia Judiciária Civil, na quarta-feira (27.02), em ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Barra do Garças (509 km a Leste).

 


Continua depois da publicidade

A mulher de 51 anos, foi autuada em flagrante por estelionato, após ser flagrada na agência da Caixa Econômica Federal, no momento em que tentava sacar a quantia adquirida com o golpe.

A vítima, que reside em Brasília (DF), possui uma tia internada em uma unidade hospitalar em Rialma (GO) e recebeu uma ligação telefônica de um suposto médico, que disse que o estado de saúde da sua parente tinha piorado e que ela precisaria ser submetida a uma cirurgia de urgência.

-Continua depois da publicidade ©-

O golpista alegou que não havia tempo para o plano de saúde liberar o procedimento e repassou dados de uma conta bancária para realização de depósito bancário, sendo que o valor posteriormente seria ressarcido pelo plano.

Diante do estado de fragilidade, a vítima realizou o depósito e somente depois ligou ao hospital para saber informações, momento em que descobriu que havia caído em um golpe. Neste momento a equipe da Derf de Barra do Garças foi acionada e diligenciou até a agência da Caixa Econômica Federal, onde flagraram a suspeita tentando sacar o valor.

Questionada, ela alegou que sacaria o valor de R$ 5.950, proveniente da venda de um terreno na cidade de Cascalheira-MT. No entanto, durante a conversa a suspeita entrou em diversas contradições sobre a localidade do terreno e sobre quem seria o comprador.

Diante da situação, a acusada foi conduzida a Derf de Barra do Garças, onde após ser interrogada pelo delegado, Wilyney Santana Borges, foi autuada em flagrante por estelionato e em seguida encaminhada para audiência de custódia.





-Patrocinador-