Prefeitura de Lucas do Rio Verde apresenta resultados de metas do Planejamento Estratégico

Para alcançar os resultados esperados, foram estabelecidos 50 indicadores e metas

0

Com o objetivo mostrar para a sociedade as metas planejadas, a execução dos projetos e também incentivar a participação dos cidadãos nas ações do poder público, a Prefeitura de Lucas do Rio Verde realizou, nesta quinta-feira (07), a apresentação dos resultados do ano de 2018 do Planejamento Estratégico Municipal. O evento foi realizado no Auditório dos Pioneiros, no Paço Municipal, e contou com a presença de conselheiros, agentes públicos, secretários, servidores municipais e sociedade civil organizada.

Nos dois últimos anos, a gestão do prefeito Luiz Binotti tem valorizado a governança por resultados e enfatizado a relevância do Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado – PDI a fim de alcançar melhores resultados para a população luverdense. O PDI é resultado de uma parceria entre a prefeitura, Tribunal de Contas do Estado (TCE-MT) e Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT).

--
-Continua depois da publicidade ©-
--

Durante o ano passado, para alcançar os resultados esperados, foram estabelecidos 50 indicadores e metas. Para avaliação e monitoramento do Planejamento Estratégico foram realizados 15 encontros e mais de 110 atendimentos às secretarias e autarquias municipais (Saae e Previlucas). Também foi confeccionado o livro do Planejamento Estratégico 2017-2027, que consiste num conjunto de planos e ações a serem atingidas em curto, médio e longo prazos.

A secretária de Articulação Institucional e Desenvolvimento da Cidadania do TCE, Cassyra Vuolo, ressaltou que este é o momento de verificar o que o município conseguiu fazer, onde avançou ou conseguiu manter, e onde ainda não conseguiu avançar, deixando à disposição da sociedade para colaboração na execução e na fiscalização de todas as ações. “O PDI é um projeto com seis frentes e nós precisamos equilibrar uma burocracia com planejamento, sem esquecer da transparência, do diálogo com a sociedade, do controle social, do fortalecimento desse controle social via conselhos de políticas públicas, sem esquecer que a capacitação deve ser permanente e contínua, utilizando os melhores meios que nós temos para aperfeiçoar, com as tecnologias disponíveis na rede, como sistemas e aplicativos, fortalecendo o controle e buscando parcerias com a sociedade”, explicou.


-Continua depois da publicidade ©-

O prefeito Luiz Binotti destacou que a parceria com o TCE e UFMT é de suma importância para fazer o mapeamento da gestão e entender da população o grau de satisfação quanto aos planos e ações do poder público. “Esse momento é muito importante para mostrar os números para a sociedade e ter o máximo na transparência. Temos índices muito bons, mas precisamos correr atrás para serem ainda melhores, pois se foi difícil para o município chegar a estes índices, que são muito bons, mais difícil ainda é mantê-los e melhorar, esse é um desafio cada vez maior. E para isso, precisamos trabalhar juntos com a sociedade, com os conselhos, com os poderes constituídos”, comentou.

Durante o evento, foram exibidas as metas e os índices alcançados de cada secretaria, autarquias e departamentos. Entre os indicadores apresentados estão a elevação do número de empreendimentos privados com licença ambiental, aumentar o número de empresas em funcionamento, reduzir a taxa de mortalidade infantil, elevar a cobertura de atendimento em creches, elevar o percentual de acompanhamento de famílias no PAIF e reduzir a taxa de beneficiários do Bolsa Família, aumentar o número de atendimentos nos eventos de esporte e lazer, elevar o percentual de alunos atendidos nas oficinas culturais, reduzir as taxas de criminalidade e de acidentes de trânsito, manter o percentual de vias urbanas asfaltadas em bom estado de conservação, elevar o percentual de lixo coletado reciclado, elevar o índice de satisfação do servidor e o nível de satisfação do cidadão, aumentar o percentual de recebimento da dívida ativa, elevar o índice de comunicação com a sociedade, os atendimentos do Plano de Auditoria e as solicitações na Ouvidoria dentro do prazo.

Em sua apresentação, o analista técnico de gestão do TCE, Volmir Manhabosco, expôs que, de maneira geral, “Lucas do Rio Verde tem bons indicadores, com 74% de conformidade, muito próximo de atingir o patamar de ótimo (acima de 75%). A visão planejada para o município é até 2027 e todos os anos a prefeitura tem um dever de casa para entregar, que são metas e ações estratégicas”.