Franquias: Pontos positivos e negativos para investir no formato

O mercado de franquias cresceu bastante nos últimos anos e trouxe diversas oportunidades para empreendedores, mas é preciso saber usar bem o formato, explica o mentor empresarial e especialista em neurolinguística, Guga Medeiros

Fonte: MF Press Global

image 2 1

As franquias são um modelo de negócio onde uma empresa, que possui uma marca forte, concede a terceiros o direito de utilizar sua marca e replicar seu modelo de negócio pelo pagamento de royalties.

Esse modelo cresceu bastante nos últimos anos, oferecendo grandes oportunidades para empreender. Mas para obter bons resultados, é fundamental tomar alguns cuidados, explica o mentor empresarial e especialista em neurolinguística, Guga Medeiros.

Ter uma franquia ajuda a impulsionar o seu negócio com uma marca já consolidada no mercado, traz um bom suporte, etc., mas é preciso ter conhecimento de empreendedorismo para ‘tocar o negócio’. Tomar alguns cuidados como pesquisa de mercado e análise do contrato ajuda a dar mais suporte ao negócio”, explica.

Principais pontos positivos de investir em franquias:

[CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE]

01 –  Modelo de negócio testado: As franquias oferecem um modelo de negócio que já foi testado e comprovado, reduzindo o risco de falha;

02 –  Suporte: Os franqueadores geralmente fornecem suporte, como treinamento, marketing e assistência operacional;

03 – Reconhecimento da marca: Muitas franquias já possuem um forte reconhecimento de marca no mercado, o que ajuda a atrair mais clientes;

Principais pontos negativos de investir em franquias:

01 –  Custos iniciais: O investimento inicial em uma franquia tende a ser alto, incluindo taxas de franquia, custos de equipamento e despesas operacionais;

02 –  Restrições contratuais: Os franqueados devem seguir os termos do contrato de franquia, o que pode incluir restrições sobre produtos, fornecedores e operações;

03 – Falta de controle total: Os franqueados têm menos autonomia do que os proprietários independentes, pois devem seguir os padrões e políticas estabelecidos pelo franqueador.

Franquias para clínicas

De acordo com Guga Medeiros, um dos tipos de negócio que mais pode se beneficiar do modelo de franquias são as clínicas.

As clínicas, sejam elas médicas, estéticas, odontológicas, etc., têm grandes benefícios com franquias, pois seus clientes buscam locais mais renomados e bem colocados no mercado para evitar problemas futuros”.

[CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE]

Toda essa confiança do cliente na qualificação e segurança da clínica pode ser bastante difícil e demorado de se conseguir iniciando um negócio do zero, por isso, abrir uma franquia já lhe coloca alguns passos à frente em relação aos clientes”, explica.

Dr. Fabiano de Abreu Agrela Rodrigues, Colunista do Cenário MT é um Pós-doutor e PhD em neurociências eleito membro da Sigma Xi, The Scientific Research Honor Society e Membro da Society for Neuroscience (USA) e da APA - American Philosophical Association, Mestre em Psicologia, Licenciado em Biologia e História; também Tecnólogo em Antropologia com várias formações nacionais e internacionais em Neurociências e Neuropsicologia. É diretor do Centro de Pesquisas e Análises Heráclito (CPAH), Cientista no Hospital Universitário Martin Dockweiler, Chefe do Departamento de Ciências e Tecnologia da Logos University International, Membro ativo da Redilat, membro-sócio da APBE - Associação Portuguesa de Biologia Evolutiva e da SPCE - Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação. Membro Mensa, Intertel e Triple Nine Society, sociedades de pessoas com alto QI.