Dia da Pizza: nutricionista destaca opções saudáveis e menos calóricas

Prato é um dos preferidos dos brasileiros e comemora hoje seu dia

0
© Fernando Frazão/Agência Brasil

 

Nesta quarentena, muitas pessoas passaram a testar, diariamente, novas receitas na cozinha, principalmente as chamadas comfort foods, entre elas a da famosa pizza, que tem até um dia para ser comemorada: hoje (10) é o Dia da Pizza. A frequência no consumo desse tipo de comida, que desperta a sensação de bem-estar, no entanto, precisa ser equilibrada, para não prejudicar o sistema imunológico e aumentar os níveis de diabetes, colesterol e hipertensão, além do peso.

Para comemorar o Dia da Pizza em casa, a gerente de Nutrição do Hospital do Coração de São Paulo (HCor), Rosana Perim, ressalta que a receita pode combinar ingredientes mais saudáveis, deixando a refeição mais leve e nutritiva. “Com escolhas corretas e sem excessos, dá para evitar a alta ingestão de gorduras saturadas e sódio, tornando a preparação mais balanceada”,afirma a nutricionista.

Rosana recomenda pôr a mão na massa, e evitar as versões congeladas e os rodízios de pizza, em que pode-se comer à vontade a preço fixo e, consequentemente, acabar consumindo mais calorias. “Ao trazer para si a responsabilidade de preparar a pizza em casa, consegue-se ter controle da seleção de ingredientes e da quantidade de recheio”, explica a nutricionista.

Ela destaca que a massa não é a vilã, como muitos pensam, pois é preparada com farinha, água, fermento e sal. Ao optar pela farinha integral, o preparo fica ainda mais saudável. No entanto, no caso de manter o uso da farinha branca, é fundamental investir em massas mais finas. “Outra dica é resistir à tentação da borda recheada, pois pode aumentar em média 200 calorias por fatia.”

Leia também: Previsões para o horóscopo do dia de hoje (07/08/2020)


Amazonia 03 de Junho