Windows 10 recebe “vida extra” com serviços de segurança terceirizados

Fonte: CenárioMT

SpreadsheetLLM: Microsoft inicia uma revolução na análise de dados

O fim do suporte oficial para o Windows 10 em outubro de 2025 era motivo de apreensão para muitos usuários. No entanto, a chegada de soluções de software terceirizadas como a 0patch abre novas portas para quem deseja continuar utilizando o sistema operacional por mais tempo.

A 0patch, empresa especializada em “micropatches” (pequenas correções) de cibersegurança, anunciou um plano para oferecer suporte de segurança para o Windows 10 por pelo menos cinco anos após o fim do suporte oficial da Microsoft. Isso significa que, mesmo após a data limite, os usuários do Windows 10 poderão receber atualizações críticas de segurança, protegendo seus dispositivos contra vulnerabilidades e malwares.

Essa iniciativa ameniza o impacto da obsolescência forçada do Windows 10 e oferece uma alternativa viável para quem não deseja ou não pode migrar para o Windows 11. A 0patch já oferece serviços similares para outras versões descontinuadas do Windows e softwares, como o Windows 7 e o Office, demonstrando expertise em manter sistemas seguros mesmo após o fim do suporte oficial.

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

Vale ressaltar que a 0patch é um serviço pago, com planos anuais a partir de 24,95 euros (aproximadamente R$ 150) por dispositivo, salgado, mas considerável. Para empresas, existe um plano corporativo com um custo ligeiramente superior.

A decisão de continuar utilizando o Windows 10 após 2025 dependerá das necessidades e do orçamento de cada usuário. A 0patch surge como uma opção interessante para quem busca manter o sistema operacional familiar em funcionamento por mais tempo, com segurança e estabilidade.

É importante lembrar que, mesmo com as soluções alternativas, migrar para o Windows 11 ainda é a opção mais recomendada pela Microsoft. O novo sistema operacional oferece recursos de segurança aprimorados, melhor desempenho e compatibilidade com softwares e hardwares mais recentes.