Ford reforça equipe secreta de veículos elétricos com talentos de Rivian, Tesla e Apple

Fonte: CenárioMT

Ford reforça equipe secreta de veículos elétricos baratos com talentos de Rivian, Tesla e Apple
Créditos: Ford

A área de veículos elétricos anda agitada recentemente, e a Ford está capitalizando em cima disso para fortalecer sua secreta equipe de EVs de baixo custo.

Uma análise da TechCrunch feita em dados do LinkedIn revelou que a Ford expandiu essa equipe para cerca de 300 funcionários no último ano. Isso inclui aproximadamente 50 vindos da Rivian, mais de 20 da Tesla e uma dúzia da Canoo, empresa com problemas financeiros. A empresa também contratou cerca de 10 funcionários da Lucid Motors e alguns da equipe de veículos elétricos recentemente desmantelada da Apple, conhecida como Projeto Titan.

Para trabalhar no projeto, a Ford ainda recrutou dois aerodinamicistas seniores de equipes de Fórmula 1.

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

O crescimento da equipe secreta acontece em um momento em que a empresa, assim como suas rivais, busca maneiras de reduzir drasticamente o custo dos EVs para alcançar a Tesla e se defender da concorrência chinesa de baixo custo. “Todas as nossas equipes de EVs estão focadas implacavelmente em custo e eficiência em nossos produtos elétricos, porque a competição final será a Tesla acessível e as fabricantes chinesas”, disse o CEO Jim Farley em fevereiro, quando revelou o projeto em uma teleconferência com analistas.

As contratações recém-divulgadas se juntam a um grupo que a empresa já havia reforçado com a aquisição da startup Auto Motive Power (AMP) no final de 2023. Essa equipe de mais de 100 pessoas foi incorporada à Ford para ajudar a avançar o trabalho em uma plataforma de veículo elétrico de baixo custo, destinada a equipar veículos de próxima geração que possam competir de verdade com a Tesla no mercado de massa.

A empresa já estava expandindo a equipe antes da aquisição. O centro principal está localizado em Irvine, Califórnia, a mesma cidade reivindicada como sede pela Rivian. No segundo semestre de 2023, a Ford contratou cerca de doze ex-funcionários da Rivian, muitos deles engenheiros. Também trouxe a bordo o ex-diretor de operações de software da Canoo e um fabricante sênior. (A Canoo possui um grande escritório na vizinha Torrance, Califórnia.)

As contratações se aceleraram no início de 2024, trazendo um engenheiro sênior de projeto mecânico que trabalhou na equipe de “gigafundição” da Tesla. Esse esforço envolve a criação da parte inferior de um veículo em apenas algumas peças grandes, em vez de soldar ou rebitar muitas outras, para simplificar o processo.

Ford reforça equipe secreta de veículos elétricos baratos com talentos de Rivian, Tesla e Apple
Créditos: Ford

A decisão da Rivian de demitir 10% de sua força de trabalho em fevereiro também parece ter oferecido à Ford a oportunidade de adquirir talentos, já que a equipe de EVs Avançados contratou mais uma dúzia de engenheiros nos meses seguintes. A Ford também trouxe o ex-vice-presidente de engenharia da Canoo em maio.

Mais recentemente, a Ford expandiu a presença da equipe em Palo Alto. Contratou engenheiros elétricos e gerentes de programa da operadora de veículos autônomos Nuro (que se reestruturou em 2023), Lucid Motors (que cortou 1.300 empregos no ano passado) e a startup de eVTOL Joby. Em maio e junho de 2024, também adicionou vários engenheiros do Projeto Titan ao escritório de Palo Alto.

Pouquíssimas das novas contratações da Ford para o projeto no último ano vieram de fora do mundo dos carros elétricos. Aqueles que vieram tendiam a ser de startups de eVTOL como Joby, Archer e Supernal.

A empresa se recusou a responder a perguntas específicas sobre como está construindo a equipe, conhecida internamente como Ford Advanced EV. Também observou que parte do trabalho realizado pela FAEV poderia ser aplicado a outros esforços da empresa, não necessariamente apenas ao projeto de veículos elétricos de baixo custo.

“A equipe Ford Advanced EV faz parte de um esforço global para construir equipes focadas em tecnologia e desenvolvimento de produtos locais aos melhores centros de talento. Esta equipe está liderando o desenvolvimento de produtos e tecnologias revolucionárias para EVs”, disse Doug Field, diretor de EVs, digital e design da empresa, em comunicado à TechCrunch.

Análise da contratação agressiva da Ford: Impacto e Estratégias

Ford reforça equipe secreta de veículos elétricos baratos com talentos de Rivian, Tesla e Apple
Créditos: Ford

A investida da Ford na equipe secreta de EVs de baixo custo levanta questões interessantes sobre o futuro do mercado de veículos elétricos. Vamos analisar o impacto dessas contratações e as estratégias por trás delas.

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

Impacto:

  • Aceleração do desenvolvimento: A adição de centenas de engenheiros talentosos, vindos de empresas líderes em EVs como Tesla e Rivian, sem dúvida acelerará o desenvolvimento da plataforma de EVs de baixo custo da Ford. A experiência desses profissionais em projetos elétricos inovadores pode contribuir significativamente para a criação de um veículo competitivo.
  • Acesso a tecnologias avançadas: Ao atrair talentos que trabalharam em conceitos como “gigafundição” da Tesla, a Ford pode obter uma vantagem tecnológica. Isso pode se traduzir em processos de fabricação mais eficientes e veículos com melhor desempenho e alcance.
  • Redução de custos: A experiência coletiva da equipe recém-formada deve auxiliar a Ford na busca por soluções que reduzam o custo final do veículo elétrico. Isso é crucial para competir com a Tesla e as fabricantes chinesas que estão entrando no mercado com EVs acessíveis.
  • Fortalecimento da posição no mercado: Com uma equipe especializada e focada, a Ford tem a chance de se consolidar como uma player importante no segmento de EVs de massa. O sucesso desse projeto pode mudar o panorama do mercado e atrair mais consumidores para a marca Ford.

Estratégias:

  • Caça talentos agressiva: A Ford demonstrou sua seriedade na corrida dos EVs ao mirar ex-funcionários de empresas líderes no setor. Aproveitando-se de reestruturações e demissões na concorrência, a Ford conseguiu atrair profissionais experientes.
  • Centros de desenvolvimento estratégicos: A escolha de Irvine, Califórnia, como sede principal coloca a Ford próxima a Rivian e aproveita o ecossistema de tecnologia local. A expansão para Palo Alto permite acesso a talentos de empresas como Tesla e startups de eVTOL.
  • Aquisição estratégica: A compra da AMP forneceu à Ford uma base sólida para o projeto, com engenheiros especializados em EVs de baixo custo.
  • Confidencialidade: Manter a equipe em segredo permite à Ford trabalhar sem muita interferência e especulação. Isso pode ser vantajoso para evitar vazamentos de tecnologia e estratégias.

Desafios:

Apesar das vantagens, a Ford também enfrenta alguns desafios:

  • Integração da equipe: Reunir centenas de novos funcionários de diversas origens exigirá um esforço significativo para promover a integração e o compartilhamento de conhecimento.
  • Cultura corporativa: Integrar a mentalidade ágil e inovadora de startups como Tesla na cultura tradicional da Ford pode ser um obstáculo.
  • Pressão para entregar resultados: A expectativa do mercado é alta, e a empresa precisará entregar um produto competitivo e acessível para justificar o investimento pesado na equipe.

Conclusão

A contratação agressiva da Ford para sua equipe secreta de EVs de baixo custo é uma jogada ousada com o potencial de mudar o cenário do mercado. O sucesso dependerá da capacidade da empresa de integrar talentos, inovar e entregar um produto que atenda às necessidades dos consumidores. Somente o tempo dirá se a estratégia será suficiente para alcançar a Tesla e outras fabricantes que dominam o segmento atualmente.