Apple pode baratear novo Vision Pro com telas de menor resolução

Fonte: CenárioMT

Vendas do Vision Pro caem drasticamente, e agora Apple?
Créditos: Apple

Para tornar o Vision Pro mais acessível, a Apple pode sacrificar a qualidade de tela em um futuro modelo. Segundo relatos, a empresa teria entrado em contato com LG e Samsung para fornecimento de painéis micro-OLED.

A informação vem do site sul-coreano The Elec, que indica que a Apple solicitou “informações técnicas necessárias para desenvolvimento de produto” às fabricantes coreanas. O destaque fica para o interesse da Apple em painéis OLED-on-Silicon maiores, entre 2 e 2.1 polegadas, oferecendo densidade de pixels de 1.700 ppi.

Essa resolução é inferior à encontrada no Vision Pro atual, que utiliza painéis micro-OLED fornecidos pela Sony e custam US$ 3.499. As telas da Sony oferecem 3.386 ppi, resultando em resolução de 3660×3200.

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

A Apple planeja utilizar esses painéis mais baratos e com menor resolução em um futuro Vision Pro acessível, que supostamente está em desenvolvimento. Há rumores de que a Apple colocou o Vision Pro 2 em espera para focar em um dispositivo mais acessível e conquistar maior fatia de mercado.

Além de telas de qualidade inferior, um Vision Pro mais barato poderia precisar se conectar a um iPhone ou Mac para processamento, tornando o próprio headset mais leve – uma das principais críticas ao modelo atual.

O lançamento de um Vision Pro acessível pode acontecer até o final do ano que vem, mas a Apple deve monitorar as vendas do modelo atual após sua expansão para fora dos EUA.

A empresa anunciou que usuários do Vision Pro terão em breve a possibilidade de criar fotos espaciais e aproveitar experiências de vídeo mais imersivas com o visionOS 2. Há rumores também de novos AirPods com câmeras infravermelhas que funcionariam em conjunto com o Vision Pro.