Apple Intelligence: Confira se o seu Iphone aguenta!

Fonte: CenárioMT

Atualização de aplicativo traz novidades ao iOS 18

Você desembolsou uma fortuna em um iPhone novinho, mas ele não vai rodar os novos recursos de Inteligência Artificial da Apple? A culpa pode não estar no processador do aparelho, e sim na memória RAM.

A Apple anunciou a chegada da “Inteligência Apple” para iPhones, iPads e Macs. Essa IA promete recursos como Siri mais esperta, escrita de e-mails e redações facilitada, criação de emojis inéditos e transformação de rascunhos em arte digital.

Parece incrível, né? Mas tem um porém: a maioria dos iPhones não vai conseguir rodar a Inteligência Apple. Somente os modelos iPhone 15 Pro e iPhone 15 Pro Max são compatíveis com os requisitos até o momento. Isso significa que iPhones lançados há menos de um ano já estão “obsoletos” para essa nova função.

Por que isso acontece?

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

A Apple alega que a Inteligência Artificial precisa ser processada diretamente no dispositivo, sem enviar dados para a nuvem. Isso protege sua privacidade, mas exige um hardware específico.

A grande diferença está na memória RAM. iPhones compatíveis com a Inteligência Apple possuem 8GB de RAM, enquanto modelos mais antigos tem apenas 6GB. Acontece que processar modelos complexos de IA localmente requer muita memória RAM, algo que iPhones lançados antes do 15 Pro não possuem.

Será que é só marketing da Apple?

Especialistas desconfiam. Um hacker conseguiu fazer funcionar alguns recursos de IA similares da Microsoft em um notebook barato, provando que o hardware necessário pode não ser tão exclusivo assim.

A verdade é que a Apple pode estar usando a Inteligência Artificial como estratégia de vendas para empurrar os modelos mais caros.

E agora? Devo comprar um iPhone novo?

Apple Intelligence: Confira se o seu Iphone suporta!

Talvez seja cedo para tomar essa decisão. Vamos aguardar o lançamento do iPhone 16 e ver se ele terá compatibilidade total com a Inteligência Apple. Além disso, é preciso avaliar se os recursos oferecidos valem a pena o investimento em um aparelho novo.