4 exercícios muito fáceis para mostrar nádegas tonificadas

Fonte: CENÁRIOMT

4 exercícios muito fáceis para mostrar nádegas tonificadas
4 exercícios muito fáceis para mostrar nádegas tonificadas FOTO:PIXABAY

Nádegas bem tonificadas não são alcançadas apenas andando. Para conseguir isso, você deve fazer exercícios específicos que trabalham e desenvolvem a parte inferior do corpo.

Além disso, manter esta parte do nosso corpo muito forte não só nos permitirá exibir, mas também é bom para a nossa saúde, pois nos permitirá mover com agilidade e segurança, além de alcançar aquela figura definida que nós querer.

O que precisamos para fazer esses exercícios? Apenas o desejo e seu próprio corpo. Existem materiais que nos permitem intensificar o trabalho. Este é o caso de bandas glúteas, elásticos ou pesos.

[-CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE-]

Mas nem sempre é necessário e existem exercícios que lhe permitirão treinar em qualquer lugar, seja em casa ou se tiver de viajar a trabalho. A única coisa que você vai precisar é algo para se apoiar no chão. Um tapete, se tiver, ou uma toalha. Até mesmo um tapete pode funcionar para você.

Exercícios de arco-íris + leg press

Este exercício ativará os músculos das coxas e nádegas para obter definição. Para fazer isso, fique em uma posição quadrúpede. Lembre-se que as mãos devem estar alinhadas com os ombros, nem mais para frente nem mais para trás. Da mesma forma, os joelhos devem estar alinhados com os quadris.

Quando estiver na posição correta, estique a perna direita. Em seguida, desenhe um arco-íris imaginário com o pé enquanto chuta levemente em direção ao teto. O objetivo é manter a perna e o pé retos e não dobrar o joelho.

Combinação de chute de burro

Partimos da mesma posição do exercício anterior, ou seja, em quadrúpede. A partir desta posição, você executa uma combinação de movimentos. Levante a perna dobrada em um ângulo de 90º. Em seguida, chute as pernas para o teto duas vezes nesta posição. Em seguida, leve o joelho ao cotovelo e termine o exercício alongando e dobrando a perna duas vezes na posição inicial. É muito importante que você esteja bem concentrado ao fazer esse trabalho, pois é fundamental cuidar da técnica.

Chutes laterais

Deite-se de lado com as pernas dobradas. Agora levante a perna que está por cima mantendo o joelho dobrado. Em seguida, faça um chute frontal suave e desenhe um círculo com a perna estendida. Neste exercício são trabalhados tanto o glúteo como a parte externa da perna, assim como o tronco.

Ponte de perna única

Deite-se de costas e faça meia ponte duas vezes. Mantenha os glúteos para cima e estique uma perna em direção ao teto com o pé flexionado. A partir desta posição, abaixe o glúteo para tocar o chão e depois suba duas vezes mantendo o glúteo para cima novamente. Abaixe a perna reta e levante-a novamente. Para maior controle do exercício, os braços serão flexionados nas laterais do corpo. Lembre-se de subir e descer vértebra por vértebra para não danificar as costas. 

Siga-nos no Facebook Twitter para se manter informado com as notícias de hoje!

Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso. Já trabalhou em Rádio Jornal (site e redação).