Comitiva da CAIXA visita municípios atingidos por ciclone no Rio Grande do Sul

Comitiva da CAIXA visita municípios atingidos por ciclone no Rio Grande do Sul - Foto: Marinha do Brasil/RS
Comitiva da CAIXA visita municípios atingidos por ciclone no Rio Grande do Sul - Foto: Marinha do Brasil/RS

A presidenta da CAIXA, Maria Rita Serrano, e mais cinco vice-presidentes chegam a Porto Alegre neste domingo (10/09) para visitar parte dos municípios atingidos por um ciclone no Rio Grande do Sul. Além de conferir de perto as necessidades da população local, a comitiva vai reforçar as medidas de apoio já anunciadas pelo banco na última sexta-feira (8).

Serrano integra ainda a comitiva do Governo Federal comandada pelo Presidente da República em exercício, Geraldo Alckmin, que fará um sobrevoo na região castigada pelas fortes chuvas.

Medidas CAIXA

Na última sexta-feira (8), a CAIXA anunciou uma série de medidas de apoio aos municípios atingidos por ciclone no Rio Grande do Sul. Para o pagamento do Saque Calamidade do FGTS, o banco está auxiliando as autoridades locais para agilizar a liberação dos valores aos trabalhadores.

Além da assessoria técnica, a CAIXA vai disponibilizar aos clientes condições especiais em linhas de crédito, pausa nas prestações de contratos habitacionais e fluxo facilitado para acionamento de sinistros pela CAIXA Seguridade.

[Continua depois da Publicidade]

A CAIXA apoia a campanha da ONG Moradia e Cidadania para auxiliar as famílias atingidas pelo ciclone. As doações podem ser feitas por meio de depósito em conta (CAIXA, agência 0428, operação 003, conta 734-1) ou do PIX: CNPJ – 01.285.730.0017-06. A ONG foi criada por representações de empregados do banco.

As ações acontecem após o reconhecimento pelo Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional (MIDR) da situação de calamidade dos municípios e a delimitação da área afetada pela Defesa Civil Municipal.

Assessoria técnica aos municípios

A CAIXA disponibiliza equipe técnica, com arquitetos e engenheiros, para assistência aos municípios na operacionalização de repasses de recursos e no trabalho social do banco.

As prefeituras poderão contar com o apoio para levantamento dos danos e estimativa de custos para a recuperação de obras em andamento ou edificações atingidas, nos contratos já acompanhados pela CAIXA, como pontes, vias de acesso, abastecimento de água, postos de saúde, escolas, entre outras.

Contratos habitacionais

A CAIXA possibilita a pausa de até 90 dias nos contratos de financiamento habitacional nas regiões atingidas, mediante solicitação nas agências do banco. As prestações são incorporadas ao saldo devedor dos clientes.

O banco também oferece suporte imediato aos clientes para acionamento de seguro habitacional e procedimentos para pagamento de indenizações.

Condições especiais para clientes

A CAIXA oferece ainda condições especiais em linhas de crédito para clientes pessoa física e jurídica.

Para os clientes pessoa física, o banco oferece:

  • Aumento de prazo, revisão das taxas e possibilidade de carência no crédito consignado, de acordo com as regras de cada convenente;
  • Isenção de cobrança de cesta de serviços por 90 dias;
  • Dispensa dos encargos de renovação nas operações de penhor de forma automática;
  • Contratos de crédito comercial PF (CDC ou contrato de renegociação) com pausa de até três meses;
  • CDC com carência de até 60 dias e prazo de até 72 meses para amortização.

Para clientes pessoa jurídica, a CAIXA disponibiliza:

  • Carência de até 6 meses nas linhas de capital de giro e de aquisição de máquinas e equipamentos e prazo de até 60 meses para amortização;
  • Pausa de até três meses no pagamento de contratos de crédito PJ;
  • Isenção de cobrança de cesta de serviços por 90 dias;
  • Crédito parcelado com taxas pré-fixadas para empresários lotéricos e correspondentes CAIXA.

CAIXA Seguridade

[Continua depois da Publicidade]

A Central de Atendimento para sinistros e assistência terá equipe reforçada para atendimento aos moradores.

Para acionamento de sinistros, os clientes dos municípios atingidos pelo ciclone terão fluxo facilitado, com documentação simplificada, proporcionando celeridade ao atendimento.

A CAIXA Seguridade implementou ainda esteira ágil de sinistros, com procedimento de pagamento de indenizações para processos de até R$ 10 mil do Seguro Residencial. O prazo para análise é de dois dias úteis, bastando ao cliente enviar orçamento e fotos do imóvel. Para o Seguro de Vida, são três dias úteis após o envio do atestado de óbito.

Centrais de atendimento para Seguro Residencial e Seguro Habitacional:

  • Caixa Seguradora: serviço de assistência e sinistros: 0800 722 2492
  • Caixa Residencial: serviço de assistência, com atendimento 24 horas: 0800 722 4926. Para sinistros: 0800 722 4923

Central de atendimento para Seguro de Vida:

  • Caixa Vida e Previdência: serviço de assistência e sinistros: 0800 722 2492

Saque Calamidade do FGTS

Conforme anunciado na quarta-feira (6), a CAIXA vai liberar o saque do FGTS por calamidade nas regiões atingidas. De acordo com o Decreto 5.113/2004, para habilitação ao saque do FGTS, é necessário que o município em estado de calamidade pública ou situação de emergência, devidamente reconhecidos por Portaria do Governo Federal, apresente à CAIXA a declaração das áreas afetadas pelo desastre.

O banco está auxiliando as autoridades locais no sentido de agilizar a solicitação de habilitação para liberação dos valores aos trabalhadores.

Após a liberação, a população poderá realizar o saque do FGTS de forma digital, no celular, de forma fácil e rápida pelo aplicativo FGTS, sem a necessidade de comparecer a uma agência. Ao registrar a solicitação, é possível indicar uma conta da CAIXA, inclusive a Poupança Digital CAIXA Tem, ou de qualquer outra instituição financeira, para receber os valores, sem nenhum custo.

É necessário possuir saldo na conta do FGTS e não ter realizado saque pelo mesmo motivo em período inferior a 12 meses. O valor máximo para retirada é de R$ 6.220.

CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal! Notícias em primeira-mão e informações de bastidores sobre o que acontece em Mato Grosso.