Policial militar agride motorista e foge com celular da vítima após confusão em abordagem

0

Um policial militar, ainda não identificado, teria agredido, ameaçado e tomado o celular de um homem de 34 anos na tarde deste domingo (3), no bairro Poção em Cuiabá. O militar acreditou que estaria sendo filmado. Ele ainda efetuou um disparo para o alto antes de fugir.

De acordo com informações do boletim de ocorrências, por volta das 15h uma equipe da PM foi acionada para atender um caso envolvendo um policial militar no bairro Poção. Ao chegar ao local eles conversaram com o homem de 34 anos, que disse que tudo começou quando ele parou seu Gol branco em frente a uma distribuidora.

Ele disse que reparou que estava atrapalhando a passagem de uma viatura policial, onde estava apenas um militar fardado, e decidiu dar a ré para dar preferência, emparelhando com a viatura. O policial então teria lhe dito que seria multado.

Em seguida, após comprar sua bebida, o homem disse que passou em frente à viatura mexendo em seu celular, o que fez o policial acreditar que estaria sendo filmado. O veículo da PM já estava estacionado em frente a uma residência neste momento e o militar então acelerou e fechou o carro do homem com a viatura.

O policial então desceu do veículo e teria dito “o que você está filmando aí?”. De acordo com o denunciante o militar teria começado a agredi-lo com socos e chutes e que ainda efetuou um disparo para o alto. Ele então tomou o celular do homem e saiu com a viatura.

Os militares acionados pelo homem foram até a casa onde a viatura ficou estacionada e conversaram com uma senhora, que filmou a ação deles e disse que seu filho é policial militar. Ela não quis passar mais informações, mas disse que ligou para o 190, já que o homem teria tentado forçar o portão de sua casa.

Os policiais perguntaram se ela gostaria de ir à delegacia registrar a ocorrência, mas ela disse que iria depois na companhia de seu marido. Ela ainda teria intimidado os policiais, dizendo que ligaria para um coronel e que também conhece e estudou com uma outra coronel.

Os militares fizeram diligências pela região, em busca de imagens de câmeras de segurança ou do paradeiro do PM que fugiu, mas não tiveram sucesso. O homem disse que foi ameaçado pelo militar e foi verificado que ele teve lesões no nariz. Ele foi até a delegacia registrara a ocorrência.

Leia também: Previsões para o horóscopo do dia de hoje (04/08/2020)


Amazonia 03 de Junho