Programa lançado em Lucas do Rio Verde quer qualificar até mil pessoas em três anos

Parceria com a FIEMT vai permitir ampliação da sede do Senai, responsável pela realização dos cursos

Fonte: CenárioMT

IMG 0818 scaled

A parceria formalizada entre a Prefeitura de Lucas do Rio Verde e a Federação das Indústrias de Mato Grosso (FIEMT) vai garantir a qualificação de até mil pessoas em três anos. Serão ofertados 33 cursos em 11 áreas de atuação. Os cursos serão ofertados pelo programa Qualifica Lucas.

O prefeito Miguel Vaz comemorou a parceria com o Senai, por meio da FIEMT, e destacou que a intenção é que Lucas do Rio Verde possa ser, de fato, uma cidade de oportunidades. “Será uma oportunidade para as pessoas se qualificarem”, pontuou. “É uma oportunidade muito boa para que os luverdenses possam ingressar de forma gratuita nesse projeto de qualificação profissional”, emendou.

Pela parceria, o município vai destinar cerca de R$ 1,7 milhão. Já o Senai-MT investirá R$ 520 mil.

O presidente da FIEMT, Gustavo Oliveira, valorizou a parceria com o município. Por meio dela, a instituição poderá ampliar sua atuação em Lucas do Rio Verde. “Graças a essa parceria vamos aumentar em cinco vezes o número de oferta de vagas aqui no município. E o que é bom, todas gratuitas para os moradores de Lucas do Rio Verde”, reconheceu.

Cursos

A escolha dos cursos foi feita por meio de pesquisa junto a órgãos que atende empresas e trabalhadores. Com números do Sine (Sistema Nacional de Emprego) e CAE (Central de Atendimento ao Empresário) foi possível definir quais cursos farão parte da grade. “São cursos robustos que vão de uma carga horária de 160 horas a 320 horas e que a gente vai transcorrer nos próximos dois anos de governo a partir do ano que vem”, observou o secretário de Indústria e Comércio, Welligton Souto.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Vários cursos serão direcionados à mulheres luverdenses. A ação busca dar oportunidades para que as mulheres tenham autonomia financeira. “Coincidiu de estarmos trabalhando os 21 dias de ativismo, onde a gente trabalha isso, principalmente o empoderamento das mulheres e isso passa por cursos de qualificação profissional. A gente entende que muitas mulheres não conseguem sair do ciclo justamente porque elas não tem qualificação e uma renda familiar. Por isso acabam voltando a essa situação”, assinalou a secretária de Habitação e Assistência Social.

Ampliação

Durante o lançamento do Qualifica Lucas, foi anunciada a ampliação da sede do Senai no município. Atualmente a estrutura utilizada pela instituição conta com conta com 2.6 mil metros quadrados, sete salas de aula, sete laboratórios e biblioteca.

“Tem muita demanda vindo por aí e nós precisamos estar estruturados pra isso”, declarou Oliveira.

É formado em Jornalismo. Possui experiência em produção textual e, atualmente, dedica-se à redação do CenárioMT produzindo conteúdo sobre política, economia e esporte regional.