Licitação para compra de materiais abre caminho para construção da Vila Militar em Lucas do Rio Verde

Foco da Prefeitura é construir 20 unidades habitacionais para as forças de segurança

Fonte: Ascom Prefeitura/Olga Kunze

Empresa chinesa visita Lucas do Rio Verde e outras cidades de Mato Grosso para promover tecnologia agrícola
Empresa chinesa visita Lucas do Rio Verde e outras cidades de Mato Grosso para promover tecnologia agrícola (Foto: Ascom Prefeitura/Anderson Lippi)

Nesta semana, foi dado o primeiro passo para a construção de 20 unidades habitacionais destinadas às forças de segurança em Lucas do Rio Verde. O foco da Prefeitura é criar a Vila Militar, onde as moradias construídas serão disponibilizadas, de forma temporária, aos policiais que vierem atuar no município, com o objetivo de suprir a necessidade de receber novos efetivos e de melhorar as condições de trabalho e de vida dos agentes de segurança pública na cidade.

Isso representa um avanço significativo em termos de valorização e bem-estar dos profissionais que atuam na linha de frente da segurança pública.

“Nosso objetivo em construirmos essas moradias é dar esse apoio inicial aos profissionais das forças de segurança que vierem atuar em Lucas do Rio Verde. Esperamos que eles venham e criem raízes aqui. Esperamos que, durante esse tempo que eles utilizarem essas moradias sem custo, eles possam conseguir adquirir suas casas próprias e permanecerem aqui. A segurança pública é uma área muito importante, e esses profissionais dedicam suas vidas à proteção da comunidade, merecem esse apoio”, destacou o prefeito de Lucas do Rio Verde, Miguel Vaz.

A Vila Militar ficará localizada no bairro Parque das Araras. Cada unidade habitacional terá 64,07 m² de área construída, dividida em varanda, sala, cozinha, 3 quartos, 1 banheiro e lavanderia. A propostas é a obra seja executada por reeducandos do sistema carcerário do município.

Os critérios para a cessão das moradias devem ser regulamentados em parceria com o Conselho Comunitário de Segurança Pública (Conseg) e as obras estão previstas para iniciarem no segundo semestre desse ano.

“A cessão aos profissionais de segurança pública será por tempo determinado. A Vila Militar abrigará agentes das forças de segurança que vieram trabalhar aqui no município. Sem dúvida trará melhores condições, um suporte muito importante”, concluiu o secretário municipal de Segurança Pública, coronel Marcos Vieira da Cunha.

CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal! Notícias em primeira-mão e informações de bastidores sobre o que acontece em Mato Grosso.