Escrivã aposentada da Polícia Civil morre após ser internada com Covid-19

Fonte: CenárioMT

whatsapp image 2021 01 04 at 09.34.35
Maria Eudes ingressou no cargo de escrivã de polícia no mês de janeiro de 1993. Ela se aposentou em agosto de 2020.

A escrivã aposentada Maria Eudes Carvalho Venturin, de 70 anos, faleceu na madrugada desta segunda-feira (4), ela estava internada em tratamento contra o coronavírus (Covid-19).

Confira a Nota enviada pela Polícia Civil

A Polícia Civil comunica a morte da escrivã aposentada, Maria Eudes Carvalho Venturin, que faleceu na madrugada desta segunda-feira (04.01). A policial civil estava internada em tratamento contra a covid-19.

Maria Eudes Carvalho Venturin, de 70 anos, ingressou no cargo de escrivã de polícia no mês de janeiro de 1993.

Por 27 anos, Maria Eudes dedicou a sua vida profissional atuando de forma brilhante e honrosa. Ela se aposentou em agosto de 2020.

A Polícia Civil de Mato Grosso lamenta profundamente a morte da servidora, que tanto contribuiu enaltecendo o desenvolvimento da instituição.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

Mortes em Mato Grosso

Trinta pessoas morreram em decorrência da Covid-19, em Mato Grosso, entre os dias 24 de dezembro e 3 de janeiro, período em que foram comemorados o Natal e o Ano Novo. Durante esses 10 dias, também surgiram 5.545 casos da doença.

Nas últimas 24 horas foram 13 mortes registradas no estado, entre elas um morador de Lucas do Rio Verde.

CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal! Notícias em primeira-mão e informações de bastidores sobre o que acontece em Mato Grosso.