31.8 C
Lucas do Rio Verde
sábado, 24 julho, 2021
InícioMATO GROSSOEmpresário passa dias em frente a hospital de VG ‘esperando’ esposa internada...

Empresário passa dias em frente a hospital de VG ‘esperando’ esposa internada com covid

Por CENÁRIOMT COM INF. REPÓRTERMT

O empresário Jarcedi Hahn, morador de Sapezal (480 km da Capital), há quase duas semanas passa as manhãs sentado numa cadeira de praia no gramado em frente ao Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, ‘esperando’ pela esposa Cristiane Fagundes Hahn, internada com covid na unidade de saúde.

Jarcedi coloca uma segunda cadeira a seu lado, leva chimarrão e fica ali sentado aguardando a esposa voltar e fazer companhia a ele.

Cristiane descobriu a infecção há duas semanas, ainda em Sapezal. Teve o quadro clínico agravado e foi transferida para o Metropolitano no dia 11, onde segue o tratamento na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), referência no tratamento de covid.

Jarcedi acompanha a esposa, em Várzea Grande, e todos os dias pela manhã refaz o ‘ritual’ que o casal tem em sua rotina em casa.

“Toda manhã a gente levanta cedo e antes de trabalhar fazemos algum serviço da casa e sentamos para tomar um chimarrão, conversamos sobre o dia, o que vai ser feito, planejamos algumas coisas. Essa cadeira é para representá-la. É uma forma de lembrar dela, eu sinto que ela está aqui, vou deixar a cadeira vazia até o dia em que ela voltar a sentar aqui para tomar um chimarrão”, disse emocionado.

O empresário, que tem três filhos com Cristiane, afirma que ela está bem cuidada na unidade de saúde, porém, relata o sentimento de ‘impotência’ e que a única opção é confiar nos médicos.

“Ela está sendo bem cuidada pelos boletins dos médicos, mas a gente se sente impotente, não tem o que fazer é só esperar, confiar em Deus e nos médicos. Eles estão fazendo a parte deles, mas é uma doença muito traiçoeira”, contou.

Jarcedi acredita que, apesar de todas as perdas e sofrimento, a pandemia vai ensinar as pessoas a ter mais amor, dar mais valor ao próximo e unir as famílias. Além de fazer a saúde avançar devido a tudo que foi investido na luta contra a covid.

“Essa pandemia vai passar, vai deixar um rastro de destruição, mas também de amor e, ao mesmo tempo, porque está unindo as famílias. As pessoas estão dando valor ao outro. A saúde pública vai melhorar muito, vai estar muito bem equipada e esperamos que os governantes não deixem destruir o que estão montando agora”, disse.

Rebeca Moraeshttps://www.cenariomt.com.br
Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso.
- Publicidade -

Lucas do Rio Verde

Lucas do Rio Verde
Lucas do Rio Verde: desrespeito às interdições pode comprometer qualidade de asfalto
julho 24, 2021
Mato Grosso
Construção da ferrovia que vai ligar Rondonópolis a Cuiabá e Rondonópolis a Nova Mutum e Lucas do Rio Verde é destaque nacional
julho 24, 2021