26.5 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 26 novembro, 2020
Início MATO GROSSO CUIABÁ Secretaria se reúne com ambulantes e feirantes para traçar plano de retomada...

Secretaria se reúne com ambulantes e feirantes para traçar plano de retomada gradativa

O encontro aconteceu na última segunda-feira (27), após anuncio de novo decreto municipal nº 8.020, que autoriza a volta das atividades econômicas em Cuiabá
Por CenarioMT

 

A Secretaria de Agricultura, Trabalho E Desenvolvimento Econômico se reuniu com representantes das associações de feirantes e ambulantes de Cuiabá para elaborar uma proposta de retomada das atividades das categorias. O encontro aconteceu na última segunda-feira (27), após anuncio de novo decreto municipal nº 8.020, realizado pelo prefeito Emanuel Pinheiro em live no mesmo dia, que autoriza a volta das atividades econômicas em Cuiabá.

“Por determinação do prefeito, nos reunimos com ambulantes e feirantes no mesmo dia do anúncio da flexibilização da quarentena obrigatória. Com muito diálogo, mediamos a concepção de uma proposta de retomada gradativa das atividades, seguindo todas as medidas de biossegurança, que será apresentada ao prefeito para avaliação e aprovação”, explicou a secretária de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Débora Marques.

As categorias estão com atividades paralisadas desde o fim do mês de março. Afim de minimizar a crise do setor por conta da pandemia, a Prefeitura de Cuiabá criou o “Renda Solidária”, programa de transferência de renda para 1.687 trabalhadores autônomos, dentre feirantes, ambulantes, transporte escolar, carroceiros e catadores de recicláveis.

Por meio do Renda Solidária, estes trabalhadores inscritos na Prefeitura de Cuiabá, vão receber o valor de R$ 500, pelo período de três meses. As parcelas quitadas até o momento são referentes aos meses de maio e junho, totalizando R$ 1 mil para cada trabalhador e um aporte total do município no valor de R$ 958 mil. Conforme a programação, a última cota deve ser paga no início de agosto.

O valor total do programa é de R$ 2.530.500. O remanejamento do recurso será feito da seguinte forma: R$ 660 mil da suspensão das verbas indenizatórias (VI) do prefeito, vice-prefeito e secretários; R$ 870,5 mil transferidos dos serviços administrativos da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária; e R$ 1 milhão de encargos de tarifas bancárias.



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas

Eleições 2020: 1,3 km da Avenida do CPA será interditado no sábado e domingo

CUIABÁ - A Justiça Eleitoral de Mato Grosso informa que fará a interdição de 1,3 km da Avenida Rubens de Mendonça (AV. do CPA)...

Eleitores só podem ser presos em flagrante

Eleitores de Cuiabá, onde haverá votação não poderão ser presos ou detidos. A regra consta que desta terça-feira (24) a cinco dias do segundo...

Acidente com ônibus em São Paulo: vítimas foram arremessadas do ônibus

O acidente entre um ônibus e um caminhão que deixou 41 mortos na manhã de ontem, quarta-feira (25) em Taguaí (SP), aconteceu no km...

Ex-deputado Leitão condena post de Eduardo Bolsonaro, com críticas à China

O ex-deputado federal por Mato Grosso, Nilson Leitão (PSDB) criticou declarações do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) sobre a China. Segundo Leitão, são “desnecessárias” e causam “dor...
Publicidade
x