Na madrugada desta segunda-feira (25), Maria Cassiana de Barro, de 84 anos, morreu no Pronto-Socorro de Cuiabá após ter sido picada por uma aranha em seu pé. A idosa, que é moradora de um assentamento rural na cidade de Tangará da Serra (a 245 km da capital), deu  entrada no hospital no dia 20, mas devido a evolução de seu quadro ao longo dos dias acabou falecendo.

Segundo o boletim de ocorrência, a equipe de polícia que estava de plantão foi acionada para fazer a liberação de um cadáver por volta das 3h da manhã no pronto-socorro. Chegando ao local, não havia nenhum parente da vítima.

Maria Cassiana havia dado entrada no Pronto-Socorro de Cuiabá no dia 20 desse mês, em decorrência de uma picada de uma aranha de espécie não identificada em seu pé direito em sua cidade natal.

Ao longo dos cinco dias, seu quadro evoluiu para uma necrose de nível 3, apresentando erisipela (uma infecção cutânea) bolhosa que geralmente é causada por uma bactéria derivada de um ferimento anterior.