25.8 C
Lucas do Rio Verde
quinta-feira, 29 outubro, 2020
Início MATO GROSSO CUIABÁ Alunos da pré-escola II do CMEI Jaíra Cuiabano lançam o livro ‘Bichos...

Alunos da pré-escola II do CMEI Jaíra Cuiabano lançam o livro ‘Bichos para ver e para ler’

Por MARIA BARBANT

Alunos da pré-escola II do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Jaíra Cuiabano Corrêa da Costa, unidade escolar localizada no bairro Pedra 90, estão lançando o livro ‘Bichos para ver e para ler’. A obra literária é resultado do projeto pedagógico realizado pela professora Ana Maria Teixeira de Souza, cuja essência é o protagonismo da criança e a escuta sensível da infância, trabalho premiado na 1ª Feira Cientifica e Cultural da Secretaria Municipal de Educação, realizada em outubro deste ano, na EMEB Madre Marta Cerutti.

A coordenadora pedagógica da unidade escolar, Ana Maria Souza Gualberto falou que o projeto tinha como objetivo a produção de poemas, a partir das narrativas das crianças. “Com o trabalho desenvolvido pela professora, que foi a escritora da obra e acompanha as crianças há dois anos, foi possível dar um novo significado à prática pedagógica e ao cotidiano escolar”, avaliou ela.

O fato desencadeador do trabalho foram os animais que apareciam na unidade escolar. Em determinados períodos do ano, povoam o CMEI, uma grande quantidade de bichinhos como grilos, besouros e borboletas, o que deixa as crianças entusiasmadas e curiosas. Além disso, os cachorros das famílias frequentemente acompanham os alunos até a unidade, ou outros animais como um filhote perdido de gato que apareceu no pátio.

Com a percepção do interesse das crianças pelos animais e a importância que os bichos de estimação têm em suas vidas, foram trabalhados os gêneros literários, a leitura, a escrita e a oralidade valorizando sempre as experiências delas, como protagonistas de suas aprendizagens e da produção cultural.

As crianças tiveram as suas vivências, imaginações e curiosidades valorizadas, pela atenção da professora que ouviu e escreveu suas narrativas, coletivas e individuais. “Algumas pessoas menos atentas podem considerar simples relatos mas os textos são verdadeiras obras-primas aos que conseguem ver além do que está escrito, pois eles reconhecem o valor das crianças terem sua história, direitos e verdades reconhecidas”, completou a professora Ana Maria Teixeira.

Os textos do livro são poemas, sensíveis e emocionantes, principalmente para aqueles leitores que lerão não apenas com os olhos, mas também com o coração. “As crianças autoras, por meio da linguagem oral, se expressaram e algumas de suas vivências ficarão eternizadas não apenas para elas, mas também para aqueles que aprenderam, no tempo que tiveram a oportunidade de conviver com elas, o mais puro afeto”, disse a coordenadora Ana Maria Gualberto.

O livro foi lançado nesta sexta-feira (21), às 19 horas, na solenidade de formatura das 50 crianças. “Com essa realização, a professora cumpre o que propôs no projeto, eternizar essa vivência. Os Bichos que eram pra ver …, a partir de seu lançamento, torna-se efetivamente para ler. Nosso desejo é que a obra sirva de inspiração a outros que como a professora Ana Maria acredita no potencial criativo das crianças”, finalizou Ana Maria Gualberto.

 

 

 



© CenárioMThttps://www.cenariomt.com.br
CenárioMT - Publicamos notícias diariamente no portal!
- Publicidade -

Últimas

Atuação do servidor público é essencial para a garantia de direitos da população

Em 28 de outubro é comemorado o Dia do Servidor Público, uma homenagem que busca destacar a importância dos profissionais que, alicerçados no esforço,...

Projeto de lei obriga bancos a reforçarem segurança dos caixas eletrônicos em Mato Grosso

Mato Grosso totalizou 370 ações criminosas praticadas contra instituições financeiras nos anos de 2017 a 2020, entre roubos e furtos tentados e consumados, dos quais...

Provas do concurso público em Lucas do Rio Verde serão realizadas em dezembro

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde divulgou nesta quinta-feira (29) a nova data para realização das provas do Concurso Público nº 001/2020. O...