Crimes de feminicídio assustam mulheres em Mato Grosso e no restante do Brasil

Fonte: CENÁRIOMT

Após crise de ciúmes, homem mata a ex-mulher a facadas e mantém o filho de 1 ano refém em Mato Grosso
Após crise de ciúmes, homem mata a ex-mulher a facadas e mantém o filho de 1 ano refém em Mato Grosso

Não é segredo que o feminicídio se tornou uma espécie de epidemia em todo o território nacional. Tal crime é cometido na maioria das vezes por alguém que possui uma relação  com a vítima, como é o caso dos companheiros ou até mesmo àqueles que não aceitam o término de um relacionamento.

Diante da perspectiva, o crime normalmente envolve uma relação íntima, na qual o homem considera ter a posse da mulher, em uma visão perturbadora que envolve o machismo. Os números mostram que a maioria das vítimas de feminicídio é morta pelo companheiro ou ex-companheiro (59%) e dentro de casa (59%).

A redação do CenárioMT, constantemente, publica notícias avassaladoras de casos ocorridos no estado de Mato Grosso. Como é o caso do filho de um deputado matogrossense, que perseguiu a ex-companheira e o atual namorado dela, cometendo um feminicídio, seguido por homicídio no mês de janeiro de 2023.

Na ocasião, o criminoso cometeu os crimes e fugiu do local, no qual foi encontrado escondido dentro de uma das fazendas que pertence aos familiares dele. Na denúncia do Ministério Público, o promotor de Justiça Jaime Romaquelli cita que o assassino agiu de forma cruel e covarde, revelando extrema perversidade, ao agredir a vítima com diversos disparos de armas de fogo, descarregando uma pistola semiautomática em área urbana de intensa movimentação de pessoas, em plena luz do dia, no horário comercial de um dia útil.

[Continua depois da Publicidade]

Já ontem (01/02) uma mulher de 44 anos foi covardemente morta pelo marido na cidade de Cáceres. O homem a atacou, com golpes de arma branca. Aos gritos, a vítima tentou defender-se, mas tudo em vão, pois apesar dos vizinhos acionarem a polícia, a mulher morreu ainda no local.

Ele fugiu logo em seguida para a casa da mãe, mas foi localizado pelos policiais. Percebendo que seria preso, ele disse que “havia feito uma besteira” e foi preso em flagrante pelo crime de feminicídio.

Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram para se manter informado com as notícias de hoje! Este é o link para entrar em nossa comunidade no WhatasApp, clique aqui.

Redatora do portal CenárioMT, escreve diariamente as principais notícias que movimentam o cotidiano das cidades de Mato Grosso. Já trabalhou em Rádio Jornal (site e redação).